> > > Residência FJR

Residência FJR

Residência FJR
Projetada pelo escritório Trí Arquitetos, a Residência FJR ganha destaque pelo conforto e conexão entre os ambientes interno e externo Foto/Imagem:Pedro Kok

Integração em destaque

Ao projetar a Residência FJR, os arquitetos do escritório Trí Arquitetos privilegiaram a integração entre os ambientes internos e externos: a sala de estar se conecta com a área de lazer, que é composta por piscina, churrasqueira, pergolado e jardim

Os arquitetos inseriram a casa – com 418 m² de área construída – no lado leste do terreno, possibilitando a entrada de iluminação e ventilação naturais para o interior dos ambientes, além de uma vista encantadora da natureza.

“Projetamos uma residência que priorizasse o conforto térmico e, ao mesmo tempo, tivesse uma fluidez visual que integrasse os ambientes interno e externo”, conta a arquiteta Silvia Siscar.

Segundo a equipe do Trí Arquitetos, a maior dificuldade do projeto foi o balanço que deu origem à garagem. Como solução, uma viga de sustentação se estende da cobertura até a sala principal, passando sobre a porta de entrada e por dentro do lavabo.

Conexão entre o interior e exterior

Quando aberto, o vão livre com 11 m de vidro conecta a sala de estar à varanda, tornando o local próprio para os moradores receberem seus convidados. Além disso, grandes vãos e aberturas criam ambientes amplos, integrados e iluminados.

Da sala de estar e jantar os moradores podem contemplar a natureza do entorno da residência Foto: Pedro Kok

Além da integração entre o interior e o exterior, os arquitetos exploraram a integração entre os ambientes internos. A sala de estar é conectada ao home theater e à cozinha. Contudo, graças as divisórias flexíveis de madeira que podem se fechar, esses ambientes contam também com privacidade. No bloco íntimo, a suíte principal é integrada ao closet e a área do banho, formando um único e amplo espaço.

Fachada

O mesmo conceito usado pelos arquitetos para projetar o interior da residência foi aplicado no exterior: linhas amplas e retas e grandes vãos apoiados sobre uma parede rústica, valorizando ainda mais a integração da residência com a natureza ao redor.

Para criar diferentes contrastes, os materiais usados foram aço corten, tijolos aparentes e pedra com aparência de madeira, que foi aplicada na fachada da casa em filetes horizontais.

Pergolado

Na área de lazer o pergolado metálico proporciona sombra. Além disso, para o bem-estar dos moradores, os arquitetos criaram um jardim vertical com diferentes espécies de plantas, combinando com a parede de azulejos geométricos nas cores azul e branco. Na decoração do espaço, destaca-se uma mesa de tronco rústico de madeira natural.

Assinado pela arquiteta Cássia Dias Ribeiro, o projeto de paisagismo conta com várias espécies de plantas, com destaque para os ipês da fachada.

Veja na Galeria outras residências com área de lazer:

Casa das Canecas, por Hum Arquitetos

Casa TSJ 01, por Studio Gabriel Garbin Arquitetura

Casa MC, por Alex Hanazaki Arquitetura Paisagística

Fornecedores desta obra

Escritório

Trí Arquitetos1 projeto(s)

Local: SP, Brasil
Início do projeto: 2016
Conclusão da obra: 2018
Área do terreno: 1044
Área construída: 418

Tipo de obra:
Residência
Tipologia:
Residencial

Materiais predominantes:

Diferenciais técnicos:

Ambientes e Aplicações:

Slideshow

Ficha Técnica

Exibir mais itens

Receba gratuitamente os Boletins e
Informativos da Galeria da Arquitetura.

(55 11) 3879-7777

Fale conosco Anuncie

Outros produtos da e-Construmarket

novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo