> > > Casa TSJ 01

Casa TSJ 01

Casa TSJ 01
O formato em “L” e as grandes aberturas da Casa TSJ 01 contribuíram para que todos seus ambientes ficassem conectados com a área de lazer, na qual a piscina é protagonista Foto/Imagem:Rafaela Netto

Integrada ao jardim

Construída em um terreno de rara beleza em Itu (SP), a Casa TSJ 01 tem projeto contemporâneo assinado pelo arquiteto Gabriel Garbin, do Studio Gabriel Garbin Arquitetura, em parceria com a arquiteta Nathalia Della Manna. Sua volumetria e seus planos envidraçados tiram proveito do verde e integram os ambientes externos e internos, originando uma singela pintura arquitetônica.

Em São Paulo, eles vivem em um apartamento. Então, a ideia era que essa casa de campo se tornasse o refúgio da família, que queria maior contato dos filhos com o sol, a lua, as estrelas, a vegetação etc. Gabriel Garbin

Implantada num lote de 3.167 m², a residência tem formato em “L” e grandes aberturas que permitiram que todo o programa se voltasse para a natureza e para a piscina.

Garbin explica que esse contato com o entorno foi um pedido especial dos moradores. “Em São Paulo, eles vivem em um apartamento. Então, a ideia era que essa casa de campo se tornasse o refúgio da família, que queria maior contato dos filhos com o sol, a lua, as estrelas, a vegetação etc.”, revela.

Projeto estrutural

O projeto estrutural da Casa TSJ 01 foi desenvolvido com todas as vigas invertidas para criar uma integração fluida por toda a área social. Os ambientes – sala de jantar e TV e living – foram marcados por um grande volume sem pilar e estão interligados com a ampla varanda que recebeu cozinha gourmet e outro espaço de estar.

Entre cozinha e sala de jantar foram colocadas cinco grandes portas de correr de alumínio e vidro, que, quando recolhidas, transformam a área em uma só.

Os dormitórios encontram-se em apêndices do volume da área social para dar privacidade aos moradores quando recebem hóspedes. “A casa ficou separada por módulos, isolando os quartos de hóspedes dos dormitórios da família”, comenta o arquiteto.

Os materiais utilizados são simples e bastante utilizados no Brasil: tijolo, pintura, cimento, granito e massa Foto: Rafaela Netto

A piscina é o eixo principal da residência – conforme se anda pelos dormitórios ou pela sala, ela é sempre um ponto de observação. Recebeu fulget no perímetro e azulejos azul claro como revestimento. “Por ser uma casa de campo, quisemos dar um enfoque na facilidade de limpeza e em poucos detalhes”, conta Garbin.

Os materiais da casa são simples e tipicamente brasileiros: tijolo, pintura, cimento, granito e massa. O reboco rústico com o revestimento das paredes e o cimento queimado no piso permeiam todo o projeto.

A residência foi toda projetada para ter ventilação cruzada, então, quando se abre a janela do living, todos os espaços recebem ventos naturais.

Além disso, o projeto conta com sistema de reúso de águas pluviais, aquecimento de água através de placas de energia solar, dimerização dos ambientes, placas fotovoltaicas para a iluminação do jardim e uma pequena central de compostagem na forma de um biodigestor que transforma resíduos orgânicos em adubo para o jardim.

Veja mais projetos residenciais com belas piscinas na Galeria da Arquitetura:

Residência OS, por Jacobsen Arquitetura

Residência VG, por Progetta Studio

Residência dos Álamos, por Veridiana Peres Arquitetura e Urbanismo

Escritório

Studio Gabriel Garbin Arquitetura1 projeto(s)

Local: SP, Brasil
Início do projeto: 2013
Conclusão da obra: 2015
Área do terreno: 3.167
Área construída: 805

Tipo de obra:
Residência
Tipologia:
Residencial

Materiais predominantes:

Diferenciais técnicos:

Ambientes e Aplicações:

Slideshow Desenhos e plantas

Ficha Técnica

Exibir mais itens

Receba gratuitamente os Boletins e
Informativos da Galeria da Arquitetura.

(55 11) 3879-7777

Fale conosco Anuncie

Outros produtos da e-Construmarket

novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo