> > > Grau 106

Grau 106

Grau 106
Com a inclinação do telhado, uma pele de vidro dá movimento à fachada do consultório odontológico projetado pelo escritório IBD Arquitetura Foto/Imagem:Sidney Doll

Design funcional

O consultório odontológico Grau 106, localizado em São Paulo, foi implantado no mesmo espaço que antes era ocupado por um bar. Como a edificação anterior era muito antiga e estava em mau estado de conservação, a saída encontrada pelo escritório IBD Arquitetura, responsável pelo projeto arquitetônico, foi demolir e construir do zero.

Segundo o escritório, a proposta do trabalho estava baseada em duas premissas: favorecer a iluminação natural e aproveitar cada centímetro do terreno. Sendo assim, duas atitudes foram tomadas. A primeira está relacionada à criação de uma fachada especialmente coberta por vidro, e a segunda, à mudança de um empreendimento térreo para um prédio com dois pavimentos.

“Queríamos um projeto com um design diferenciado, porém, sem gastos adicionais por isso. Como o programa era extenso para o terreno, tivemos de pensar em um layout que pudesse aproveitar os espaços, evitando corredores”, conta a arquiteta Bruna Turquiai. “Também optamos por materiais que auxiliassem na entrada de luz natural e barrassem os elementos que implicariam no aumento da temperatura e do som”, complementa, em referência ao vidro.

Forma e função

O grande destaque do consultório Grau 106 se deve à circulação vertical, identificada na fachada. A partir dela, o edifício ganha vida, permitindo a interação do meio interno com o externo, além de criar condições para que a escada, vista pelo lado de fora, se apresente como ponto-chave do projeto.

“O design do consultório é consequência do telhado, que se encontra escondido por detrás da platibanda. Sua inclinação também concretiza o ângulo da pele de vidro”, menciona Turquiai, sobre outro detalhe do projeto arquitetônico.

As cadeiras dos consultórios estão voltadas para receber a luz natural, usando-se o mínimo possível de luz artificial Foto: Sidney Doll

Pelo fato de o programa do consultório odontológico ser extenso, principalmente para o limitado terreno de 98m², todos os elementos, desde a marcenaria até a circulação, foram trabalhados com medidas mínimas, para possibilitar a inserção do programa em sua totalidade. “Dessa forma, posicionamos a escada estrategicamente para diminuirmos os corredores e ganharmos iluminação em todos os ambientes”, explica a arquiteta.

O consultório Grau 106 ainda recebeu um nicho para abrigar as crianças e oferecer a elas um espaço exclusivo. Além de deixá-las mais tranquilas e com algum lazer, já que normalmente ficam apreensivas em ir ao dentista, também foi uma estratégia de desafogar a recepção, que não é muito grande.

Quanto ao projeto de interiores, o casal de clientes queria algo clean e sem muita informação. Visando a agradar a ambos – ela gosta do clássico e ele do rústico –, optou-se por mesclar um pouco dos dois estilos. Dessa maneira, o rústico predomina desde a fachada, com o paredão de porcelanato imitando madeira, até a escada, feita de madeira de demolição. Já a recepção e os consultórios trazem um aspecto mais leve.

Iluminação natural

De acordo com a arquiteta, o layout do Grau 106 sempre teve como preocupação priorizar a entrada de iluminação e ventilação naturais, principalmente, próximo às áreas de trabalho.

Além de auxiliar na economia de energia, a luz natural também interfere na questão das cores, diferentemente da luz artificial, que pode provocar distorções – e isso é bastante importante em um consultório que trabalha com a estética. Com as cadeiras dos consultórios voltadas de modo a receber essa luz natural, o uso da luz artificial durante o dia se faz quase desnecessário.


Escritório

IBD Arquitetura e Interiores1 projeto(s)

Local: SP, Brasil
Início do projeto: 2014
Conclusão da obra: 2014
Área do terreno: 98
Área construída: 90

Tipo de obra:
Clínicas
Tipologia:
Saúde

Materiais predominantes:

Diferenciais técnicos:

Ambientes e Aplicações:

Slideshow

Ficha Técnica

Exibir mais itens
novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo