> > > Central de atendimento ao Cidadão

Central de atendimento ao Cidadão

Central de atendimento ao Cidadão
Com face inclinada e poucos andares, espaço público reúne diversos serviços em um único edifício Foto/Imagem:Divulgação Gil Carlos de Camillo Arquitetura

Design funcional

Com o objetivo de melhorar a qualidade dos serviços públicos oferecidos aos contribuintes, a Prefeitura Municipal de Campo Grande resolveu integrar em um único edifício três Secretarias que respondem por grande parte da burocracia da cidade: Urbanização, Receita e Procuradoria Jurídica.

A Central de Atendimento ao Cidadão, concebida pelo arquiteto Gil Carlos de Camillo, é, portanto, um espaço múltiplo, destinado ao trâmite de projetos para construção, questionamento de tributos, pendências jurídicas com o município, entre outros serviços.

A obra contou com recursos do Programa Nacional de Apoio à Modernização Administrativa e Fiscal, O reduzido número de pavimentos orientou a busca por uma volumetria que, em parte, ocultasse a limitada quantidade de andares e expressasse a importância do prédio Gil Carlos de Camilo cuja principal recomendação foi transmitir a imagem de boa qualidade dos serviços prestados no local por meio da edificação.

“O pequeno número de andares solicitado pela prefeitura para estimular a circulação vertical independente de elevadores, orientou a busca por uma volumetria que, em parte, 'ocultasse' o reduzido número de pavimentos e expressasse formalmente a importância da edificação”, explica Gil.

Implantado em uma das esquinas do terreno, o acesso ao edifício – construído em uma área de 4.500 m² – se faz através de um amplo pé-direito triplo. Considerando a finalidade institucional, sua tipologia se revela por meio da sequência estrutural que se declara nas fachadas.

Soluções criativas

Para garantir maior demanda por espaços no pavimento térreo, o arquiteto fez o edifício parecer brotar do chão, com uma grande face inclinada, revestida por telhas metálicas pré-pintadas, onde acomodou as áreas que recebem o maior número de pessoas. Com isso, conseguiu evitar a solução mais convencional, que seria dispor a plataforma sob o volume da torre.

Além disso, a estrutura do prédio institucional se compõe numa malha de pilares com 7 m de vão em concreto armado, com balanços de 3,5 m nas extremidades dos dois últimos pavimentos. Treliças espaciais, feitas com telhas termoacústicas, foram implantadas para compensar o vazio central.

Em razão do calor severo da capital do Mato Grosso do Sul, o volume e as aberturas foram orientados para as faces norte e sul.

Localizada na região central da cidade, colada ao Paço Municipal, a Central de Atendimento ao Cidadão conta ainda com 360 vagas para veículos, já que o transporte individual vem sobrepondo o coletivo.


Escritório

Gil Carlos de Camillo Arquitetura7 projeto(s)

Local: MS, Brasil
Início do projeto: 2006
Conclusão da obra: 2008
Área do terreno: 12.02500
Área construída: 4.45200

Tipologia:
Governamental

Materiais predominantes:

Diferenciais técnicos:

Ambientes e Aplicações:

Slideshow

Ficha Técnica

Exibir mais itens
novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo