> > > Santuário de Nossa Senhora Desatadora dos Nós

Santuário de Nossa Senhora Desatadora dos Nós

Santuário de Nossa Senhora Desatadora dos Nós
O projeto evidencia o momento histórico de quando foi criado e foi inspirado em referências culturais e históricas da arquitetura brasileira Foto/Imagem:Divulgação Francisco Hue Arquitetura

Soluções contemporâneas

O objetivo do escritório Francisco Hue Arquitetura foi projetar uma igreja com linguagem contemporânea. Para isso foi criado beiral em concreto aparente, telhado cerâmico, volumes principais em massa branca e telhado verde com planta cruciforme – forte referência histórica. “É um projeto que evidencia o momento histórico no qual foi concebido ao mesmo tempo em que se apoia em referências culturais, históricas e construtivas da nossa arquitetura. Nesse sentido, possui um horizonte de permanência muito grande, como deve ser um templo religioso”, relata o arquiteto responsável pelo projeto Alziro Carvalho Neto.

O acesso para o Santuário se dá por um aclive de 800 metros, desde a entrada, sobre a dorsal desta elevação. O percurso leva ao grande adro – terreno externo – onde a entrada se insere.

“As linhas do piso, convergentes à entrada da nave, convidam os fiéis e sugerem uma rosa dos ventos, elemento orientador das aberturas e dos eixos, determinados pela predominância dos ventos”, completa o arquiteto.

O Santuário tem dois volumes bem definidos. O da Igreja e o entorno do claustro. O primeiro, com a clássica planta em cruz, e o segundo, inserido no diedro direito superior. A planta situa-se em um dos extremos da colina.

Iluminação controlada

“A luz é um elemento determinante em todo o edifício. A incidência direta ocorre apenas de manhã, pela entrada; e à tarde, através das escamas atrás do altar”, conta Alziro. O teto, sob uma laje de duas águas nas paredes laterais, mantém a luz natural constante, porém a incidência direta do sol é protegida pelos amplos beirais de madeira do telhado gramado.


Escritório

Francisco Hue Arquitetura3 projeto(s)

Local: RJ, Brasil
Início do projeto: 2018

Materiais predominantes:

Diferenciais técnicos:

Slideshow
novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo