> > > Apartamento em Higienópolis I

Apartamento em Higienópolis I

Apartamento em Higienópolis I
O projeto de reforma do Apartamento em Higienópolis substituiu os espaços compartimentados e trouxe nova vida com ambientes integrados e design neutro Foto/Imagem:Pedro Napolitano Prata

Fluidez natural

Ao projetar a reforma do Apartamento em Higienópolis, em São Paulo, o escritório Verso Arquitetura buscou, acima de tudo, reorganizar e ampliar espaços que se encontravam muito compartimentados, prejudicando a circulação entre ambientes, bem como a iluminação e ventilação naturais.

“Procuramos trazer mais fluidez e funcionalidade aos ambientes, deixando-os com design neutro, elegante e atemporal, evitando modismos”, explica a arquiteta e titular do escritório, Juliana Fiorini.

Reforma radical

Alguns dos desafios encontrados pelos arquitetos na reforma foram a excessiva compartimentação dos ambientes, a subutilização da área central do apartamento e a segregação da área da cozinha, que prejudicava a fluidez dos espaços. Para solucionar esses problemas, decidiram por reestruturar a planta original.

“Otimizamos e incorporamos as áreas de circulação e serviços aos espaços de uso diário e sala de estar, criando ambientes amplos, integrados e bem iluminados. Esse acabou sendo o grande diferencial do projeto”, comenta.

Com o deslocamento da posição da cozinha para o eixo central das áreas de convívio coletivo, houve uma completa reestruturação dos espaços. Além disso, a demolição das paredes garantiu a integração das áreas de serviço e social.

Apartamento em Higienópolis I - Fluidez natural<BR>
As paredes do apartamento foram demolidas para trazer integração aos ambientes Foto: Pedro Napolitano

A cozinha foi organizada em torno de uma grande bancada central e prolonga-se, perpendicularmente, em direção à sala de jantar, escritório e salas de estar. A incorporação do terceiro dormitório à sala também contribuiu para a ampliação das áreas coletivas do apartamento.

A integração dos espaços possibilitou o melhor aproveitamento da iluminação e ventilação naturais, vindo das grandes janelas existentes nas laterais. O restante da iluminação foi projetado de forma simples, com pontos de luz discretos nas periferias dos ambientes, evitando pontos de luz centrais e excessivos.

Decoração pontual

O projeto de interiores foi concebido com soluções funcionais e neutras, evitando recursos de acabamento ou design excessivamente marcados ou datados. “Optamos por cores neutras e pela madeira como material predominante. Utilizamos elementos decorativos étnicos trazidos de viagens pelo morador”, conclui Fiorini.


Escritório

Verso Arquitetura6 projeto(s)

Local: SP, Brasil
Início do projeto: 2012
Conclusão da obra: 2013
Área construída: 137

Tipologia:
Residencial

Materiais predominantes:

Diferenciais técnicos:

Ambientes e Aplicações:

Slideshow
novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo