> > > Residência CHR

Residência CHR

Residência CHR
Além das características da arquitetura moderna, a Residência CHR incorporou o paisagismo como elemento pontual, e os arquitetos mantiveram a árvore em sua entrada, para dar visibilidade à paisagem Foto/Imagem:MCA Studio

Paisagismo moderno

Influenciada pela visão da arquitetura modernista, com linhas retas, brises e horizontalidade marcante, a estrutura da Residência CHR foi caracterizada pelos arquitetos do escritório mineiro Skylab, Frederico Andrade de Paulo e Guilherme Fernandes Ferreira, com estética traçada no partido original.

O maior desafio foi evitar os desníveis e implantar a casa em um único pavimento. No terreno plano de 1.200 m², com um programa sem muita rigidez, foram adotados materiais simples, como o concreto aparente, a madeira e a pedra, que complementam a construção de maneira característica.

“Na fachada principal prevalece a horizontalidade da estrutura em concreto, contraposta pela verticalidade dos brises de madeira. O revestimento em pedra compõe os demais volumes, porém sem destacá-los”, completam os arquitetos.

A releitura da arquitetura moderna acontece deste o exterior até o interior da residência. O resultado está na escolha de mobiliário com predominância em linhas retas e tons sóbrios, complementado com elementos distintos como quadros e vasos, entre outros objetos decorativos.

Projeto de design integrado

O layout da residência consiste em uma área de convivência aberta e integrada visualmente. As salas de estar, jantar e TV são voltadas para a área de lazer e piscina, localizada na parte do terreno com a maior insolação.

Já a cozinha funciona como o elo entre os ambientes. Ela interliga os quartos, a varanda social e as salas, além da área de serviço e garagem, sendo iluminada pela luz frontal, que atravessa o jardim e entra pelas aberturas dos brises de madeira.

Para os arquitetos, o destaque do projeto é o formato em “L” da planta, que resolveu a funcionalidade pretendida pelos moradores, dando privacidade e preservando os quartos abertos para um ensolarado jardim lateral. A iluminação natural entra em todos os espaços pelas grandes aberturas projetadas, como na passarela que cruza o jardim interno e separa a área íntima do restante da casa.

“O jogo de luz e sombras proporcionado por estas aberturas, pelos rasgos na estrutura e pelos brises da fachada contempla movimento à arquitetura, contrapondo com a brutalidade inicial dos materiais adotados”, acrescentam.

Paisagismo aliado à arquitetura

O projeto de paisagismo foi incorporado como um elemento pontual à arquitetura. Ele está presente desde a entrada, na qual a árvore existente antes da construção assina a vista. Além disso, três palmeiras ficam em frente ao volume de revestido de pedras portuguesas. Nesse local, a grama recebeu um desenho especial. No interior, na área de lazer, áreas gramadas prevalecem para o conforto dos moradores.


Escritório

Skylab Arquitetos9 projeto(s)

Local: MG, Brasil
Início do projeto: 2009
Conclusão da obra: 2011
Área do terreno: 1.200
Área construída: 608

Tipo de obra:
Residência
Tipologia:
Residencial

Materiais predominantes:

Diferenciais técnicos:

Ambientes e Aplicações:

Slideshow Desenhos e plantas

Ficha Técnica

novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo