> > > Residência VD

Residência VD

Residência VD
No projeto arquitetônico da residência, áreas sociais abraçam as áreas de lazer. O encontro é demarcado pelo belo paisagismo do entorno Foto/Imagem:Rômulo Fialdini

Parte da natureza

Concebido para usufruto de duas gerações de uma família, o projeto da casa de campo tinha como premissa a formação de espaços de convívio amplos, com grandes aberturas para entrada de luz e ventilação naturais, além do uso de materiais, cores e texturas que remetessem ao colorido da paisagem. “A segunda casa é frequentemente aquela em que queremos nos refugiar da vida urbana, buscando um espaço mais amplo para reflexão e lazer com amigos e família, e um contato mais próximo com a natureza. Esses aspectos serviram de ponto de partida”, explica a arquiteta responsável pelo projeto Isis Chaulon.

As áreas sociais da Residência VD, localizada em uma fazenda na região interiorana de Porto Feliz (SP), organizam-se em volta da área da piscina. “Essa área de lazer se abre totalmente para o grande jardim, integrando-se com o cenário da exuberante vegetação da fazenda”, destaca.

Desafios e soluções

De acordo com Isis, o maior desafio do projeto arquitetônico, além de vencer o grande vão livre de 12 metros do living, foi encontrar a estrutura ideal para encaixar os volumes da casa. “Para executar a sobreposição dos volumes foi necessária uma estrutura especial e complexa. Foram feitas muitas maquetes de estudos e croquis. Além disso, para ter o resultado esperado da parede de granito bruto e das aletas dos caixilhos de madeira das fachadas, foram necessários vários protótipos”, explica a arquiteta, que destaca a pedra e a madeira como materiais centralizadores e que dialogam com o entorno.

A Residência VD recebeu automação no projeto de iluminação do living, do deck da área de lazer, da piscina e para irrigação do jardim.

Características sustentáveis

A arquiteta também ressalta a economia de energia como uma grande preocupação no projeto. “Todos os ambientes recebem entrada de luz natural através de domus, onde não foi possível a colocação de janelas. A ventilação do living é cruzada para dispensar o uso de ar-condicionado, enquanto o aquecimento da piscina é feito através de placas de energia solar, localizadas estrategicamente na cobertura da casa para não diminuir a área verde do jardim”, explica. Além disso, a morada conta com sistema de captação de água de chuva.

Personalidade estampada

Para a decoração de interiores, foram escolhidos móveis, tecidos, luminárias e objetos que criam uma atmosfera acolhedora e confortável, ao mesmo tempo em que conversam com a linguagem da arquitetura da casa. “Como o casal proprietário é despojado e dinâmico, a troca entre arquiteto e cliente foi muito interessante e rica. Eles participaram ativamente do processo de criação, sempre expondo seu desejos e anseios que hoje estão aparentes no projeto”, destaca.

 


Escritório

Isis Chaulon Arquitetura10 projeto(s)

Local: SP, Brasil
Início do projeto: 2009
Conclusão da obra: 2011
Área do terreno: 4570
Área construída: 1480

Tipo de obra:
Residência
Tipologia:
Residencial

Materiais predominantes:

Diferenciais técnicos:

Ambientes e Aplicações:

Slideshow

Ficha Técnica

Exibir mais itens
novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo