> > > James B. Hunt Jr. Library

James B. Hunt Jr. Library

James B. Hunt Jr. Library
Espaços futurísticos estimulam a concentração e a colaboração no projeto da biblioteca James B. Hunt Jr. Foto/Imagem:Jeff Goldberg/Esto

Aprendizagem em novo formato

A premissa para o projeto arquitetônico da James B. Hunt Jr. Library era estabelecer uma nova referência para os espaços de aprendizagem colaborativa tecnologicamente sofisticados. Localizada na Carolina do Norte, nos Estados Unidos, a biblioteca foi projetada pelo escritório Snøhetta em colaboração com o arquiteto local Clark Nexsen.

O belo edifício já conquistou importantes prêmios arquitetônicos e costuma integrar listas de bibliotecas mais bonitas do mundo publicadas por revistas especializadas. A primeira honraria foi o ALA Library Building Award de 2013, concedida pelo American Institute of Architects em parceira com a American Library Association em reconhecimento pela excelência do design.

Para a sua concepção, os arquitetos tiveram que trabalhar em estreita colaboração com o NCSU Libraries, órgão regulador de bibliotecas do estado da Carolina do Norte. A obra foi projetada para ser uma vantagem competitiva e decisiva para a universidade, democratizando o acesso às tecnologias.

Inovação

Coração intelectual e social do Centennial Campus da Universidade Estadual da Carolina do Norte, a biblioteca também abriga escritórios acadêmicos, laboratórios de visualização e de mídia digital e um auditório.

Trata-se de uma estrutura contemporânea dentro de um contexto tradicional, funcionando como uma plataforma de pensamento futuro, que pode influenciar o seu entorno. As inovações técnicas e programáticas motivam a experiência de aprendizagem.

Espaços abertos e generosos conectam todos os andares da biblioteca, além disso, uma grande escada amarela chama atenção e enfatiza a atmosfera interativa e social.

James B. Hunt Jr. Library - Aprendizagem em novo formato
Os ambientes de aprendizagem contam com mobiliários coloridos e dinâmicos Foto: Jeff Goldberg/Esto

Há, ainda, espaços com mobiliário colorido e dinâmico, onde os frequentadores podem socializar e trocar informações, e também ambientes mais tradicionais, focados no estudo.

Cada um dos blocos que compõem a biblioteca exibe uma obra de arte feita especificamente para o projeto. A mais recente adição é o mural recém-concluído pelo artista José Parlá.

Tecnologia

As áreas tecnológicas da James B. Hunt Jr. Library permitem aos usuários experimentar novas ferramentas em um ambiente altamente estimulante.

Zonas de tecnologia estão integradas a toda a biblioteca. Superfícies interativas digitais e telas de exibição de vídeo de alta definição mostram informações sobre a programação.

A biblioteca, que possui acervo de 2 milhões de volumes, também conta com um sistema automatizado de livros. Isso gerou economia na metragem, pois os títulos não precisam ficar expostos. Com a redução dos espaços reservados a prateleiras, foi possível construir novos ambientes e espaços de aprendizagem colaborativa.

Design sustentável

Por sua iluminação, o edifício recebeu a certificação LEED prata, pois conta com abundante entrada de luz natural e espaços de trabalho ao ar livre, que são beneficiados pela ampla vista para um lago.

Não faltam à James B. Hunt Jr. Library recursos de design sustentável, tais como o vidro da fachada e um sistema de sombreamento fixo, feito de alumínio, na área externa. Esse truque ajuda a diminuir o calor e maximiza as vistas e a luz ambiente. Já a cobertura montada com vigas e painéis fornece aquecimento e arrefecimento, enquanto os telhados verdes e os jardins captam a água da chuva.

Escritório

Snøhetta7 projeto(s)

Local: NO,Estados Unidos

Tipo de obra:
Bibliotecas

Materiais predominantes:

Diferenciais técnicos:

Ambientes e Aplicações:

Slideshow

Ficha Técnica

Exibir mais itens
novidadesfechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo