> > > Casa Cumaru

Casa Cumaru

Casa Cumaru
A Casa Cumaru foi projetada para ser sustentável e para que os proprietários pudessem receber os amigos num ambiente aconchegante, mas também ter privacidade quando preciso Foto/Imagem:Marcos Fertonani

Morada sustentável e eficiente

Linhas retas proporcionam equilíbrio entre o coroamento metálico, o forro de madeira e o concreto aparente da fachada da Casa Cumaru, chamando a atenção de quem mora em Londrina (PR). Projetada pelo escritório Raffo Arquitetura, a residência atende a todas as necessidades dos moradores de forma sustentável e eficiente.

Os arquitetos Lucas Raffo e Marcos Aleixo revelam que a madeira cumaru – que dá nome à morada –, foi escolhida durante o planejamento do projeto arquitetônico. “Para equilibrar a estética com o desempenho térmico, aplicamos o material em diversos locais, como na fachada, nos revestimentos, nos forros e nos pisos internos”, eles contam.

Programa concentrado

Para que a Casa Cumaru fosse construída no terreno de 601 m² sem danificá-lo, foi realizado um estudo de ocupação do espaço. Com isso, a estrutura foi encaixada entre aberturas e fechamentos, devido aos volumes e planos, para melhor aproveitamento das energias do entorno.

Praticamente todo o programa foi concentrado em apenas um nível, dando a impressão de ser uma residência térrea. Todos os ambientes do primeiro pavimento – salas de estar e jantar, cozinha e área de lazer – foram integrados à piscina central e compartilham iluminação e ventilação naturais abundantes.

Raffo e Aleixo explicam que toda a configuração volumétrica foi executada conforme o pedido dos moradores, que sempre desejaram um lugar aconchegante para receber os amigos, mas que ao mesmo tempo lhes garantisse privacidade. Assim, os andares superior e inferior foram reservados para atividades esporádicas.

O programa concentrado em apenas um nível dá a impressão de que a casa é térrea Foto: Marcos Fertonani

Sustentabilidade

A iluminação e a ventilação naturais estão presentes em toda a casa, porém, os ambientes mais usados receberam um cuidado especial para melhor controle da entrada de luz e ar. Todos os dormitórios são iluminados pelo sol de manhã e ficam protegidos dele nos horários de excessivo calor.

A residência possui uma grande abertura para iluminação na face sul, que permite um funcionamento passivo, diminuindo a necessidade de luz artificial no período diurno.

O sistema de captação de águas pluviais armazena até 5 mil l de água, que é utilizada para limpeza das áreas externas e irrigação do jardim. O sistema de aquecimento solar serve todos os pontos de água da casa, incluindo a piscina.

Por fim, toda madeira usada na casa tem certificação ambiental.

Veja na Galeria da Arquitetura outros projetos residenciais sustentáveis:

Casa ID, por Cadi Arquitetura

Casa dois Volumes, por EF Arquitetura

Casa da Vista, por Barbara Becker Atelier de Arquitetura


Escritório

Raffo Arquitetura2 projeto(s)

Local: PR, Brasil
Início do projeto: 2013
Conclusão da obra: 2015
Área do terreno: 601
Área construída: 372

Tipo de obra:
Residência
Tipologia:
Residencial

Materiais predominantes:

Diferenciais técnicos:

Ambientes e Aplicações:

Slideshow

Ficha Técnica

Exibir mais itens
novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo