> > > Hospital Pediátrico Pro Criança Jutta Batista

Hospital Pediátrico Pro Criança Jutta Batista

Hospital Pediátrico Pro Criança Jutta Batista
A alegria do universo infantil colore as soluções de tecnologia aplicadas no projeto deste hospital que atende crianças com problemas cardiológicos, no Rio de Janeiro Foto/Imagem:LMartins Fotografia

Design lúdico

O escritório RAF Arquitetura assina o projeto de arquitetura do Hospital Pediátrico Pro Criança Cardíaca Jutta Batista, destinado ao público infantil. Construído em Botafogo, zona sul do Rio de Janeiro, o edifício une lúdico e tecnologia em prol do atendimento a crianças com problemas cardiológicos.

Implantação

Um dos autores do projeto, o arquiteto Flávio Kelner explica que o terreno do hospital, situado ao lado do Cemitério São João Batista, foi um desafio de projeto. “Tivemos de implantar o edifício negando uma de suas vistas”, revela. “Os fluxos, a insolação e a setorização, por outro lado, seguiram um roteiro rígido, definido pela medicina”, complementa ele.

Associado ao terreno exíguo, o partido atende a esse contexto urbano específico e às restrições médicas, e consegue distribuir, com precisão, os ambientes definidos em um programa bastante amplo de setores e atividades.

Universo infantil

As linhas retas da volumetria contrastam com os materiais de forma equilibrada, proporcionando contemporaneidade ao projeto de interiores do hospital, que é uma instituição sem fins lucrativos e, desde 1996, já cuidou de mais de 24 mil crianças.

Hospital Pediátrico Pro Criança Jutta Batista - Design lúdico
O escritório procurou criar ambientes lúdicos para levar mais conforto aos pacientesFoto: LMartins Fotografia

“Com a premissa de atender o universo infantil, buscamos trazer o lúdico para os ambientes. A maior preocupação foi humanizar os espaços, trazendo formas e cores alegres, e procurando criar um espaço divertido para os pequenos”, explica Kelner.

Fachada resistente

Para garantir a flexibilidade de uso dos espaços, os arquitetos adotaram uma malha estrutural que concentra as cargas verticais nos limites da laje, liberando espaço interno para futuras adaptações.

O projeto inclui, também, conceitos de sustentabilidade como coleta de águas pluviais, painéis fotovoltaicos que fornecem energia para consumo nos horários de pico, e fachada com proteção solar.

“Chapas de alumínio composto proporcionam durabilidade e reduzem o custo de manutenção”, conclui o arquiteto, que complementou o fechamento da face norte, mais ensolarada, com brises que reduzem a entrada de luz e calor.


Fornecedores desta obra

Escritório

RAF Arquitetura - RJ10 projeto(s)

Local: RJ, Brasil
Início do projeto: 2009
Conclusão da obra: 2013
Área do terreno: 1.106
Área construída: 8.530

Tipo de obra:
Hospitais
Tipologia:
Saúde

Materiais predominantes:

Diferenciais técnicos:

Ambientes e Aplicações:

Slideshow

Ficha Técnica

Exibir mais itens
novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo