> > > Casa das Oliveiras

Casa das Oliveiras

Casa das Oliveiras
A Casa das Oliveiras, assinada pelo escritório Ivan Rezende, foi projetada para integrar os moradores à natureza, ao mesmo tempo em que proporciona privacidade Foto/Imagem:Andre Nazareth

Casa-mirante

Localizada às margens da Lagoa de Jacarepaguá, zona oeste do Rio de Janeiro, a Casa das Oliveiras tinha como premissa resguardar a privacidade dos moradores e garantir o desfrute da paisagem e das águas esverdeadas da região. Assim, essa morada projetada pelo escritório Ivan Rezende Arquitetura possui uma forte ligação com o entorno.

Seguindo os preceitos da legislação local – que determinam que a implantação esteja no centro do terreno –, o volume arquitetônico foi definido a partir de um prisma retangular imaginário suportado por duas vigas laterais.

Volumes internos e externos

Após o desenvolvimento do projeto, os volumes internos da Casa das Oliveiras foram subtraídos do prisma inicial e criaram-se desdobramentos espaciais que se alternam entre cheios e vazios em um caminho programático. São esses pontos que intuem e diferenciam os espaços íntimos e sociais.

Os vazios internos proporcionam a entrada de luz natural que permeia toda a residência e abrem perspectivas generosas para a paisagem, transformando cada ambiente em um local de contemplação do exterior.

Garantir o desfrute da paisagem foi uma das premissas do projeto Foto: Andre Nazareth

Atravessando o pátio interno da casa, onde há uma charmosa plantação de oliveiras – árvores que inspiraram o nome do projeto –, foi construído um pequeno e charmoso vestíbulo na área de lazer. Lá os moradores podem relaxar com a paisagem da lagoa e do relevo como pano de fundo.

Ligada ao volume principal do projeto, a estrutura projetada em estrutura metálica e concreto aparente abriga os espaços de apoio ao jardim e à piscina, ligando o dormitório do casal a um terraço-mirante de onde, de forma privilegiada, o horizonte é visto.

Materiais

A integração dos ambientes internos e externos é feita por portas de correr e panos de vidro que circundam toda a extensão da casa.

Segundo Rezende, as vigas aparentes de concreto, interligadas por duas lâminas do mesmo material, mas de forma protendida, marcam a unidade volumétrica da residência e dão indícios de que o projeto priorizou materiais de baixa manutenção – aço, madeira e concreto – e simplicidade em sua presença natural.

“Todo o piso da parte social da casa foi coberto em Pietra Forte Florentina com acabamentos pertinentes a cada área, criando uma base homogênea para as intervenções internas em Freijó Lavado Wood”, revela o arquiteto.

Os painéis fundidos deslizantes são executados em laminado compacto de alta pressão. Eles foram escolhidos para auxiliar na privacidade e a controlar a incidência de raios solares nos espaços.

Além das questões relacionadas ao conforto ambiental, como ventilação cruzada, sistema de proteção solar, aproveitamento máximo da iluminação natural e soluções de armações termoacústicas, outras ações foram tomadas para maximizar a economia de recursos através de possibilidades tecnológicas e ecológicas. Assim, também foram implantados os sistemas de automação de instalações, reúso de água e controle natural de insetos.

Escritório

Ivan Rezende Arquitetura8 projeto(s)

Local: RJ, Brasil
Início do projeto: 2014
Conclusão da obra: 2015
Área do terreno: 667
Área construída: 400

Tipo de obra:
Residência
Tipologia:
Residencial

Materiais predominantes:

Diferenciais técnicos:

Ambientes e Aplicações:

Slideshow Desenhos e plantas

Ficha Técnica

Exibir mais itens

Receba gratuitamente os Boletins e
Informativos da Galeria da Arquitetura.

(55 11) 3879-7777

Fale conosco Anuncie

Outros produtos da e-Construmarket

novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo