> > > Casa Madeira

Casa Madeira

Casa Madeira
A fachada foi revestida com uma estrutura metálica, camuflada com madeira e pedras moledo para vencer os grandes vãos Foto/Imagem:Paulo Altafin

Leveza arquitetônica

Concebida pelo arquiteto Celso Laetano sobre um generoso terreno na cidade de Piracicaba/SP, a Casa Madeira foi construída em 2012 de acordo com os desejos dos moradores: eles queriam uma residência urbana, mas com referências praianas, com um único revestimento no piso, uma piscina com borda infinita e destaque para um material predominante, a madeira. Queríamos usar a madeira de uma maneira esbelta e elegante. Fizemos a estrutura em concreto, mas com partes metálicas para dar leveza aos panos de vidro Celso Laetano Foi ela que acabou inspirando o nome da morada.

O programa inicial do projeto arquitetônico foi elaborado para dois lotes, que os proprietários já possuíam. Porém, no meio do percurso, um terceiro foi adquirido. Mantendo o conceito da construção, a casa foi apenas remodelada para abranger o novo espaço, assumindo o formato em “L”.

Referência praiana

O telhado com inclinação acentuada, que compõe uma parceria harmoniosa com os panos envidraçados, além do jardim integrado à área social e da piscina de grande dimensão, garantiram à residência o estilo praiano idealizado.

A proposta consistia em criar uma volumetria marcante, mas sem tirar a sutileza da arquitetura. A solução foi revestir a fachada com uma estrutura metálica, camuflada com madeira e pedras moledo, para vencer os grandes vãos. “Queríamos usar a madeira de uma maneira esbelta e elegante. Fizemos a estrutura em concreto, mas com partes metálicas para dar leveza aos panos de vidro”, relata Laetano.

Madeira predominante

Logo na entrada, nota-se o material predominante da casa. Uma caixa de madeira sucupira delimita o hall com pé-direito baixo – de 2,10 m² –, criando uma antecâmara para a sala de estar, que, em contrapartida, possui um teto elevado e inclinado, acompanhando o desenho do telhado de uma água. O conjunto torna impactante a entrada da residência. “Como se entrasse em um plano baixinho para depois se surpreender com o mais alto, inclinado e trabalhado”, revela o arquiteto.

Revestimento

Todos os pisos da área social e de lazer estendem-se por um único plano, sem desníveis, e apenas um material foi utilizado: um mármore travertino nacional levigado, com placas de grandes dimensões que garantiram a uniformidade e a neutralidade em todos os ambientes, de modo que a decoração também se destacasse.

O projeto de interiores da Casa Madeira foi executado para valorizar a atmosfera bem brasileira da casa. Peças dos designers Sergio Rodrigues e Jader Almeida, do arquiteto Paulo Mendes Rocha e do artista muralista Tadeu Rodrigues decoram com requinte e sintonia. “Rodrigues fez uma pintura no mural da sala de jantar, utilizando uma paleta neutra de cores que se integram com os materiais naturais, o travertino, a madeira e a pedra”, menciona o arquiteto.

Casa Madeira - Leveza arquitetônica
A casa se abre para o jardim, deixando o verde invadir os ambientes internos, além de garantir iluminação e ventilação naturaisFoto: Jefferson Ataliba

Eficiência térmica e energética

Iluminada naturalmente e beneficiando-se de uma ótima ventilação cruzada, a casa se abre para o jardim externo, deixando o verde invadir os ambientes internos.

A área social tem o maior plano envidraçado e está situada em uma parte favorável a essa insolação. O paisagismo, assinado por Gil Fialho, criou zonas de sombras e barreiras térmicas para que os moradores tivessem mais aconchego e para que o clima fosse mais fresco internamente.

Todas as suítes estão voltadas para o fundo do lote, lado oposto à área de lazer, para que tenham privacidade, silêncio e sossego.

Rodrigues fez uma pintura no mural da sala de jantar, utilizando uma paleta neutra de cores que se integram com os materiais naturais, o travertino, a madeira e a pedra Celso Laetano

Segundo pavilhão

Um outro pavilhão foi construído no terreno, nos mesmos moldes de arquitetura da residência principal, só que menor, para abrigar uma sauna e um pequeno espaço fitness, integrados ao jardim e à piscina. “Nessa área de lazer, há uma coisa bem interessante: a cozinha gourmet na esquina da varanda. Suas portas se abrem em dois sentidos, todas escamoteadas dentro da parede de maneira que ora está recolhida para dentro, ora está visível”, explica Laetano.

Borda infinita

A piscina possui 20 m de comprimento e inclui um espelho d’água que se liga à área social. Sua borda infinita não diferencia o que é grama e o que é a água. O arquiteto frisa a importância do pedido dos moradores para que a piscina fosse um elemento marcante do projeto da Casa Madeira. “A borda infinita integra-se ao gramado e tem uma dimensão bem generosa. Acaba valorizando todo o trabalho do paisagismo também”, conclui.

Fornecedores desta obra

Forro de Gesso

Gypsum Drywall

Painel Pastilhas de Vidro

Vidrotil

Painel Pastilhas de Vidro

Vidrotil

Escritório

Celso Laetano Arquitetura4 projeto(s)

Local: SP, Brasil
Início do projeto: 2010
Conclusão da obra: 2012
Área do terreno: 2.032
Área construída: 860

Tipo de obra:
Residência
Tipologia:
Residencial

Materiais predominantes:

Diferenciais técnicos:

Ambientes e Aplicações:

Slideshow Desenhos e plantas

Ficha Técnica

Exibir mais itens

Receba gratuitamente os Boletins e
Informativos da Galeria da Arquitetura.

(55 11) 3879-7777

Fale conosco Anuncie

Outros produtos da e-Construmarket

novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo