> > > Rouxinol

Rouxinol

Rouxinol
No lugar de fachadas envidraçadas, o prédio corporativo Rouxinol ganhou varandas, que criaram um jogo de cheios e vazios. O empreendimento foi projetado por Yuri Vital Foto/Imagem:Acervo Yuri Vital

Varandas corporativas

Em 2011, a construtora Even abriu um concurso interno para a construção de um edifício corporativo conhecido como ArqMoema ou simplesmente Rouxinol. O vencedor foi o arquiteto Yuri Vital, que concebeu um projeto que usufrui do espaço público ao conectar o prédio à rua.

Com salas comerciais distribuídas em 13 andares (sendo o último dúplex), o edifício foi construído num terreno de esquina formado pelas avenidas Rouxinol e Santo Amaro, no bairro de Moema, São Paulo. O objetivo da proposta era evitar uma inserção murada e excludente, que muitas vezes configura as edificações corporativas da cidade.

Dessa forma, Yuri resolveu trocar as fachadas totalmente envidraçadas por uma fachada repleta de varandas tal como os edifícios residenciais. Ainda que discreto, o vidro permanece em sacadas e guarda-corpos, em meio à volumetria marcante dos blocos retangulares de concreto. “Criou-se um ‘xadrez’, por conta do jogo de cheios e vazios. Além disso, as proporções do conjunto oferecem diversas visões sobre ele: de um lado da rua, parece mais retangular; de outro, mais quadrado", conta.

O efeito que se cria entre os blocos de concreto e as varandas é de um “tabuleiro de xadrez” através do jogo de cheios e vazios Foto: Acervo Yuri Vital

De acordo com o arquiteto, o projeto ainda procurou respeitar as edificações existentes para estabelecer um diálogo entre elas. Segundo ele conta, um pequeno edifício adjacente à Avenida Santo Amaro passou por uma reforma logo depois da construção do Rouxinol e sua nova identidade foi inspirada no projeto de Yuri. “Aparentemente, eles parecem um único conjunto”, afirma.

O edifício, composto por duas torres, possui um hall de elevadores no qual foram alocadas passarelas alternadas em diferentes posições. Esse espaço segue revestido por duas grandes peles envidraçadas que dão vista para o bairro de Moema e também do Itaim Bibi. “Mais que unir os dois conjuntos em uma única circulação vertical, a área confere uma espacialidade criativa entre os diferentes pavimentos”, descreve Yuri.

Ar fresco

As varandas do Rouxinol também ajudam na climatização do conjunto, uma vez que o recuo das janelas gera sombras, e mesmo assim, garante a iluminação difusa sem a entrada do facho de sol diretamente. Além disso, elas contribuem para diminuir a incidência solar, gerando economia de energia no uso do ar-condicionado nos escritórios.

Escritório

Yuri Vital3 projeto(s)

Local: SP, Brasil
Início do projeto: 2011
Conclusão da obra: 2013
Área do terreno: 1668
Área construída: 6750

Tipologia:
Corporativo

Materiais predominantes:

Diferenciais técnicos:

Ambientes e Aplicações:

Slideshow Desenhos e plantas

Ficha Técnica

Exibir mais itens
novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo