> > > Somosaguas

Somosaguas

Somosaguas
Com 21 residências projetadas a partir de diferentes configurações, este condomínio na periferia de Madri busca incentivar formas de vida em coletividade, como as aldeias de antigamente. O projeto é do estúdio brasileiro mk27 Foto/Imagem:Fernando Guerra

Moradias únicas

O escritório brasileiro studio mk27 foi convidado a desenvolver um condomínio de casas na periferia de Madrid (Espanha). Batizado de Somosaguas, o projeto é uma saída “anti-crise”, que precisaria responder à demanda de moradia.

Com detalhes arquitetônicos pensados sob medida, o condomínio residencial utilizou produtos industrializados que estão disponíveis no mercado europeu.

Implantação arquitetônica

Ocupando todo o quarteirão, o terreno conta com 8.461 m², sendo 5.100 m² de área construída e 4.100 m² de subsolo. A garagem no subterrâneo faz com que o térreo fique livre e seu uso seja destinado somente aos pedestres.

Ao todo são 21 casas, que estão organizadas em cinco platôs que eliminam o desnível topográfico de 3,5m. Todo o perímetro do quarteirão está no mesmo nível que a calçada ao redor. Os arquitetos desenharam quatro tamanhos de casas seguindo o módulo construtivo de 1,25m. A partir disso as outras 21 residências foram feitas com diferentes configurações. Portanto, cada casa é única.

O tamanho do lote e o número de moradores (97 ao todo) originaram uma densidade demográfica de 130 habitantes por hectare – número relevante, considerando que a densidade da cidade é de 54 habitantes por hectare, de acordo com o Portal del Ayuntamiento de Madrid.

No projeto de interiores, a decoração mescla cores claras com madeira Foto: Fernando Guerra

Os arquitetos usaram materiais simples, industriais e monocromáticos, o que torna difícil diferenciar, visualmente, a unidade do conjunto. As fachadas foram feitas de miniwave – revestimento especialmente desenvolvido para ser utilizado em áreas externas, internas ou, ainda, como forro – e alvenaria pintada na cor branca, que contrasta com as cercas de madeira que ajudam a demarcar os espaços.

A implantação das casas foi feita de forma não linear, lembrando muito as antigas aldeias. As residências foram construídas sobre um jardim com um pátio privado para cada unidade, e os caminhos contam com uma transição harmônica entre o público e o privado.

Paisagismo

O projeto de paisagismo é rico e abundante, permeando todo o terreno e se espalhando no lote de forma orgânica, rompendo o formato perpendicular dos volumes. No centro do condomínio está a praça principal, ao redor da piscina, que acabou se tornando um ponto de encontro entre os usuários.

Não há um muro externo, são as próprias casas que configuram o limite entre a rua e o condomínio, criando respiros e jardins mais generosos para as áreas públicas.

O projeto Somosaguas – que pretende estimular uma forma de vida em coletividade na cidade – foi feito de forma permeável, podendo ser replicado em qualquer lote urbano.

Escritório

studio mk2735 projeto(s)

Local: MA, Espanha
Início do projeto: 2011
Conclusão da obra: 2017
Área do terreno: 8.461
Área construída: 5.100

Tipo de obra:
Residência
Tipologia:
Residencial

Materiais predominantes:

Diferenciais técnicos:

Ambientes e Aplicações:

Slideshow

Ficha Técnica

Exibir mais itens
novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo