> > > Restaurante DAS

Restaurante DAS

Restaurante DAS
O projeto do escritório Sotero Arquitetos confere ao Restaurante DAS uma personalidade marcante Foto/Imagem:Xico Diniz

Descontraído e industrial

Em meio aos pontos turísticos e ao conjunto de bens tombados da área náutica da Bahia Marina, na cidade de Salvador (BA), fica o descontraído Restaurante DAS. Com identidade marcante, o seu projeto arquitetônico, assinado pelo escritório Sotero Arquitetos, adequa-se ao ambiente sem lançar mão de estereótipos marítimos.

Trata-se, na verdade, não apenas de um restaurante, mas de um destino gastronômico, especializado em culinárias diversificadas. “A ideia foi criar um espaço funcional e com sofisticação despojada”, conta o arquiteto Adriano Mascarenhas, fundador do escritório.

Preservação natural

Para atender à quantidade mínima de mesas exigidas pelo cliente, e ao complicado programa do Restaurante DAS, foi preciso projetar uma varanda de madeira e aço em frente ao espaço reservado para o estabelecimento, funcionando, ao mesmo tempo, como uma referência para quem chega e uma medida de integração ao entorno.

Para envolver a vegetação já existente no projeto, as árvores foram preservadas, e seus troncos atravessam a cobertura por meio de furos deixados na estrutura. Assim foi possível preservar a flora local e contribuir para um microclima mais agradável.

Projeto de interiores

Mascarenhas explica que, para desenvolver a arquitetura, seguiu influências que remetem à juventude e aos hobbies do proprietário, por exemplo, sua admiração por carros. “Um dos diferenciais do projeto é a réplica de um Porsche na área interna”, disse.

O nível de acesso do Restaurante DAS é composto pelo salão principal, com bar, banheiro acessível, adega e caixa, e por outro destinado a eventos privados. Os dois pavimentos são conectados por uma escada localizada nos fundos. No pavimento inferior, estão os setores de serviços, como a cozinha, a área de funcionários, o escritório e um acesso exclusivo para fornecedores.

Restaurante DAS - Descontraído e industrial
O design de interiores valoriza ícones automobilísticos admirados pelo proprietário Foto: Xico Diniz

O design de interiores busca uma harmonia temática. A réplica do Porsche em tamanho real está fixada a uma das paredes do fundo. Ainda no espaço interno, foi empregado o vinil nos bancos, material utilizado na década de 1950 no estofamento dos carros, o concreto aparente e chapas metálicas que configuram uma arquitetura despojada, industrial e em concordância com o tema automobilístico definido pelos arquitetos, inspirados pelos hobbies do proprietário.

Materiais e revestimentos

Além disso, a paleta de cores aplicada ao Restaurante DAS é restrita, tendo como base o cinza, presente nas bancadas de concreto e nos revestimentos dos bancos, em contraponto ao laranja de alguns elementos em destaque como tecidos, vidros e cadeiras.

Os elementos estruturais são marcados pelo concreto aparente. As vedações em vidro, como na fachada, permitem uma conexão entre o espaço interno e a nova varanda. “O silestone que compõe o balcão e a bancada na cor laranja marcam a horizontalidade, e a madeira no mobiliário proporciona um espaço aconchegante”, conclui o arquiteto.


Escritório

Sotero Arquitetos9 projeto(s)

Local: BA, Brasil
Início do projeto: 2011
Conclusão da obra: 2012
Área do terreno: 6.460
Área construída: 406

Tipologia:
Comercial

Materiais predominantes:

Diferenciais técnicos:

Ambientes e Aplicações:

Slideshow Desenhos e plantas

Ficha Técnica

Exibir mais itens
novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo