> > > IPEL

IPEL

IPEL
Projeto da fábrica IPEL deixa clara a preocupação da empresa com o meio ambiente ao usar cobertura que busca obter iluminação natural, gerando menos gasto de energia Foto/Imagem:Divulgação Sidonio Porto Arquitetos Associados

Moderno e sustentável

Localizada em um condomínio industrial às margens da Rodovia Anhanguera, em Cajamar (SP), a IPEL, fábrica de embalagens e pincéis para produtos de beleza e maquiagem, teve seu projeto arquitetônico desenvolvido pelo escritório paulistano Sidonio Porto Arquitetos Associados.

“O respeito dedicado ao meio ambiente foi um dos pontos fundamentais na concepção do projeto, além da procura por um espaço adequado às atividades específicas de produção da indústria”, explica o arquiteto e diretor de projetos Sidonio Porto.

Exterior da fábrica

O objetivo do escritório foi projetar uma obra de impacto que viesse a marcar a imagem da IPEL, pelo seu design, sustentabilidade, funcionalidade, entre outros atributos. “Buscamos explorar a luz indireta, evitando incômodos causados pela exposição à luminosidade excessiva, o que foi alcançado com o emprego de largos beirais, que orientam a claridade para uma incidência indireta, além de proporcionar uma solução adequada da cobertura em dias de chuva, sem quebrar a harmonia do desenho”, conta o arquiteto.

A fachada da fábrica possui fechamento em painéis pré-moldados de concreto, visando rapidez de execução e bom acabamento. Os ambientes têm fachadas em vidr, que favorecem tanto a passagem de luz natural quanto a vista dos arredores.

Do ponto de vista construtivo, o projeto da IPEL se destaca por uma combinação de estrutura metálica para coberturas em shed – construção industrial que facilita a iluminação e a ventilação das fábricas –, cujas suas ondulações sobressaem-se no projeto, e as vedações em painéis pré-moldados de concreto. Os vidros são laminados, os caixilhos em alumínio, as vedações em concreto pré-fabricado e as demais estruturas pintadas na cor branca.

“A premissa do nosso trabalho foi criar um projeto com linhas contemporâneas, adequadas à sua finalidade e que representasse a imagem da empresa. Seu impacto formal expressa leveza e facilidade de apreensão. Foram buscados espaços livres com um mínimo de colunas visando uma flexibilidade total dos layouts”, comenta Porto.

Luz natural

A iluminação natural do projeto se dá através dos sheds, que estão voltados para a face sul. Essa solução também acaba economizando energia. Grandes vãos visam originar espaços livres e flexíveis. O projeto da IPEL apresenta automação básica para os processos de produção.

Resultado final

“O resultado do projeto foi uma grande integração ao entorno, gerando um espaço de trabalho agradável e estimulante, que uniu flexibilidade, condições de expansão futura e custos compatíveis”, comenta Porto. Sobre o projeto de paisagismo, o arquiteto comentou que foram usadas plantas adequadas ao local, de fácil manutenção e com alto desempenho estético.


Escritório

Sidonio Porto Arquitetos Associados7 projeto(s)

Local: SP, Brasil
Início do projeto: 2000
Conclusão da obra: 2001
Área do terreno: 11.000
Área construída: 4.000

Tipo de obra:
Indústrias
Tipologia:
Industrial

Materiais predominantes:

Diferenciais técnicos:

Slideshow

Ficha Técnica

Exibir mais itens
novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo