> > > Natu Caju

Natu Caju

Natu Caju
O projeto do restaurante Natu Caju é de autoria do escritório Paola Cimareli Landgraf Arquitetura, que buscou explorar o estilo de casa dos avós, criando conexão com a culinária caseira Foto/Imagem:Favaro Jr

Arquitetura repleta de memórias

Localizado em Leme (SP), o restaurante Natu Caju foi projetado pelo escritório Paola Cimarelli Landgraf Arquitetura, que atendeu ao pedido do proprietário: projetar um restaurante que deixasse claro o seu afeto pela avó.

Com culinária caseira, o projeto ganhou uma decoração típica e bastante envolvente. O restaurante possui 221 m² de área construída. Segundo os arquitetos, o proprietário ressaltou a importância de se criar espaços amplos, integrados, acessíveis e semelhante à casa dos avós.

Espaços fluidos

O programa do restaurante foi dividido de forma bastante fluida. O projeto original era uma residência de esquina. Após a reforma, os arquitetos optaram por explorar todos os espaços com mesas e cadeiras. O mobiliário auxilia o fluxo no ambiente e harmonizam com o exterior do restaurante. Ainda nesse pavimento, as portas de vidro integram ambientes internos e a área externa – onde é possível contemplar o redor.

A madeira modernizou os ambientes Foto: Favaro Jr. 

“Tínhamos a limitação da antiga casa de esquina, procuramos transformar e aproveitar ao máximo a estrutura e a paisagem do entorno, já que é a identidade do projeto – a integração do interior com o exterior.”, explica Paola Cimarelli.

Bem-estar aos clientes

No projeto de interiores do Natu Caju, o escritório explorou o uso de materiais naturais, o que proporcionou modernidade e reforçou o estilo delicado.

O objetivo era criar uma identidade própria, e levou os proprietários a evitar uma simples reprodução temática, criando ambientes contemporâneos e autorais, baseados na essência do artesanato e na arquitetura da “casa de avó.

Para decorar os espaços, plantas dentro do ambiente através de vasos em estruturas suspensas no forro, além do jardim com plantas tropicais na área externa do restaurante e das luminárias

A ventilação cruzada foi bastante explorada, mantendo o conforto térmico dentro dos espaços. As grandes aberturas tornaram os ambientes agradáveis sem a necessidade de ar-condicionado. Por se tratar de uma fachada voltada ao oeste, o escritório previu o plantio de árvores ao longo de toda fachada, modernizando a entrada do restaurante.

Além disso, buscaram uma iluminação focada para tornar o ambiente aconchegante.


Escritório

Paola Cimarelli Landgraf Arquitetura - Design7 projeto(s)

Local: SP, Brasil
Início do projeto: 2020
Conclusão da obra: 2021
Área do terreno: 217
Área construída: 221

Tipologia:
Comercial

Materiais predominantes:

Diferenciais técnicos:

Ambientes e Aplicações:

Slideshow

Ficha Técnica

novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo