> > > Academia Bodytech Rio Sul

Academia Bodytech Rio Sul

Academia Bodytech Rio Sul
O projeto da Academia Bodytech Rio Sul segue o conceito da rede e prima pela qualidade de vida de seus usuários Foto/Imagem:MCA Estúdio

Espaço de bem-estar

Para desenvolver o projeto arquitetônico da Academia Bodytech Rio Sul, localizada em Botafogo, Rio de Janeiro, os arquitetos do escritório Farias e Denton Arquitetura e Design buscaram se manter bem alinhados à proposta da rede, que é oferecer saúde e bem-estar a seus clientes. Verdadeiros centros de atividade física, esporte e lazer, as academias Bodytech têm a qualidade de vida como princípio básico e são referência no mercado brasileiro pelo seu altíssimo padrão de qualidade em infraestrutura e serviços.

Inaugurada em 2013 em uma área de 1.300 m², esta unidade carioca tinha como proposta atender tanto os frequentadores do Shopping Rio Sul, ao qual está integrada, quanto aqueles que trabalham ou moram na vizinhança.

Design voltado para o bem-estar

O projeto da Academia Bodytech Rio Sul é composto por quatro níveis, o que demanda soluções de circulação e integração. A verticalização segmentou o layout dos ambientes, mas o escritório elaborou soluções para a integração das pessoas, como generosas áreas de convívio nos andares. O design, norteado pela concepção de saúde, conforto e bem-estar, seguiu o padrão da rede, que foi criado pelo próprio escritório em 2011.

“Nossas dificuldades na realização do projeto foram o formato do prédio, que era muito anguloso e tinha um programa extenso, e a inclusão de um parque aquático com piscina semiolímpica. A solução que encontramos foi criar um bloco central para a circulação vertical e desenvolver o programa em torno dele”, relata o arquiteto e diretor de projetos, Antônio Juarez Farias Junior.

Fachada e iluminação

Houve uma preocupação com a visualização do prédio da academia por conta da fachada já existente do Shopping Rio Sul. Para aumentar a percepção daqueles que circulam por ali, grandes caixas de telas tensionadas foram colocadas nos dois principais andares de atividades na mesma posição.

Os arquitetos criaram um excelente aproveitamento da luz natural com o uso intenso de lâmpadas LEDs. Outro fator que contribuiu para o conceito de sustentabilidade foi a reutilização de águas cinzas.

“Usamos iluminação colorida e sequencial controladas por um computador na sala de indoor cycle. E, além disso, na Academia Bodytech Rio Sul há vários recursos tecnológicos, como o telão em LED, os videowalls informativos, as persianas motorizadas e a iluminação por computador”, finaliza Farias Junior.


Fornecedores desta obra

Escritório

Farias & Denton2 projeto(s)

Local: RJ, Brasil
Início do projeto: 2013
Conclusão da obra: 2013
Área do terreno: 1.300
Área construída: 2.800

Tipo de obra:
Academias
Tipologia:
Esporte

Materiais predominantes:

Diferenciais técnicos:

Ambientes e Aplicações:

Slideshow

Ficha Técnica

Exibir mais itens
novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo