> > > Polo Shopping Indaiatuba

Polo Shopping Indaiatuba

Polo Shopping Indaiatuba
O Polo Shopping Indaiatuba, em São Paulo, reúne design contemporâneo, materiais nobres e sustentabilidade, requisitos fundamentais para a eficiência comercial do empreendimento Foto/Imagem:Pedro Vannucchi

Shopping destaca-se por funcionalidade e eficiência

A ideia principal para a concepção do Polo Shopping Indaiatuba, localizado no estado de São Paulo, surgiu a partir das condições de implantação existentes, como local; características topográficas, viárias e urbanas; cultura e perfil socioeconômico. A criatividade arquitetônica foi responsabilidade do escritório DFA Arquitetura. “Os empreendedores queriam uma obra de impacto, que refletisse elementos de design contemporâneo, grandiosidade, sustentabilidade, eficiência comercial e materiais nobres”, conta o arquiteto Carlos Dominguez.

A funcionalidade do empreendimento está baseada no equilíbrio de fluxo de pessoas, para que todos os pontos tenham igualdade de atração. O layout parte de um mix comercial com distribuição e integração adequadas entre as funções de lazer e varejo diversificado, oferecido por grandes lojas especializadas e de departamentos.

“O desafio foi planejar um shopping de sucesso com atrativos suficientes para atingir o nível de venda programado e para ser um espaço voltado à comunidade, com garantia de segurança e conforto, além de atividades de lazer e diversidade de ofertas”, relata o arquiteto.

Iluminação natural e artificial

“A iluminação natural, além de permitir espaços arquitetônicos atraentes e próprios para uma atividade social de grande escala, permite uma redução notável do consumo de energia, que é um dos objetivos mais importantes em uma edificação”, explica Carlos.

Já o uso da luz artificial tem o objetivo de conseguir luminosidade e efeitos específicos para cada objeto ou espaço comercial, de acordo com a função. O arquiteto Carlos Dominguez exemplifica: “As praças de eventos, os corredores e a praça de alimentação são espaços que pedem uma iluminação especial. Cada um tem características arquitetônicas próprias e, portanto, um tipo de específico de luz, seja artificial ou natural”.

Automação

O projeto utilizou uma base rigorosamente modular, pois, a estrutura é pré-moldada, assim como a cobertura. Todas as instalações e a operação são de altíssima eficiência e sustentáveis. “O funcionamento do prédio está totalmente vinculado a sistemas de automação predial que garantem o controle e a operação de todos os componentes, como ar condicionado, abastecimento de água, combate a incêndio, segurança, iluminação, entre outros”, comenta Carlos Dominguez.

Materiais

Os materiais usados são próprios para construções de uso intensivo e coletivo, como o aço e o vidro, que exigem propriedades como durabilidade, baixo custo de manutenção, segurança e conforto, inclusive visual. O design é próprio do uso de tecnologias muito atuais e evoluídas para solução das grandes áreas envidraçadas de iluminação natural e visibilidade, e dos espaços de grandes dimensões que exigem soluções incomuns e inovadoras das estruturas de aço e alumínio.

“O Polo Shopping Indaiatuba é uma construção equilibrada e eficiente de todos os pontos de vista, inclusive do operacional. Após aproximadamente quatro anos de funcionamento, o programa continua sendo atendido com sucesso”, finaliza o arquiteto.


Escritório

DFA Arquitetura8 projeto(s)

Local: SP, Brasil
Início do projeto: 2010
Conclusão da obra: 2012
Área do terreno: 120.759
Área construída: 43.313

Tipologia:
Comercial

Materiais predominantes:

Diferenciais técnicos:

Slideshow

Ficha Técnica

Exibir mais itens
novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo