> > > Hub 88

Hub 88

Hub 88
Após passar por retrofit econômico, antigo hotel se transformou em edifício residencial com novos espaços e visual repaginado Foto/Imagem:Maíra Acayaba

Intervenção original

Para transformar um hotel da década de 70 em um edifício residencial para jovens universitários – o Hub 88 –, o escritório Cupertino Arquitetura teve como maior desafio criar um projeto de retrofit inovador com custo bem baixo. “Os investidores esperavam criar uma nova identidade para o prédio com um investimento financeiro mínimo. O budget limitado norteou todas as intervenções”, explica a arquiteta Andrea Castanheira.

Apesar de bem conservado e estruturado, o edifício estava bastante datado em termos de materiais e linguagem. Por isso, a comunicação visual – aplicada com cores vivas e integrada à arquitetura – foi o grande trunfo para obtenção da personalidade do empreendimento, localizado em São Paulo (SP). “Conseguimos o atual estilo contemporâneo e a transformação dos espaços com baixo custo e uso de materiais considerados pouco nobres para acabamento”, ressalta.

Reforma econômica

Os apartamentos do Hub 88 receberam apenas pintura e cozinha novas. As maiores reformas concentraram-se nas áreas públicas, térreo, jardim, halls de elevadores e na criação da fachada do embasamento no nível da rua, antes inexistente.

Para melhorar o fluxo dos moradores, o térreo foi completamente aberto e ganhou um lounge, áreas para estudos e um jardim-solarium. “A permeabilidade visual da rua até o fundo do terreno gera hoje uma sensação maior de segurança”, destaca a arquiteta. Outra mudança muito relevante foi a criação de uma ‘praça’ elevada em relação à calçada. “Ela ativa o uso do espaço e dilui o limite entre público e privado”.

Destaques simples e originais

O amarelo da nova fachada – colorido em painéis perfurados de compensado naval selado – aviva o edifício do Hub 88. “É interessante como a simples intervenção da fachada do térreo foi capaz de transformar o espaço urbano, criando uma presença para o prédio na rua”, sublinha Castanheira. Além da madeira, cimento e concreto predominam no projeto.

No grande pergolado de concreto existente que estrutura os muros laterais na área posterior do terreno foi instalado um deck com espreguiçadeiras. Outro destaque é a marcenaria aplicada no espaço interior do térreo com detalhamento simples e feita com corte a laser. Junto aos novos espaços utilitários, ela torna o ambiente mais convidativo. “Assim como os outros materiais econômicos, a iluminação também é simples, feita com conduites e lâmpadas aparentes”, conclui.

 


Escritório

Cupertino Arquitetura6 projeto(s)

Local: SP, Brasil
Início do projeto: 2014
Conclusão da obra: 2015
Área do terreno: 585
Área construída: 3175

Tipo de obra:
Edifícios Residenciais
Tipologia:
Residencial

Materiais predominantes:

Diferenciais técnicos:

Ambientes e Aplicações:

Slideshow Desenhos e plantas

Ficha Técnica

Exibir mais itens
novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo