> > > Miguel Couto

Miguel Couto

Miguel Couto
O escritório Cité Arquitetura foi convidado para restaurar um conjunto de oito sobrados históricos do Rio de Janeiro e transformá-los em salas comerciais Foto/Imagem:Estúdio Cria

De patrimônio tombado à edifício comercial


O escritório Cité Arquiteturafoi responsável pelo retrofit de oito sobrados na rua Miguel Couto, no Rio de Janeiro, que agora servirão de salas comerciais. “Os edifícios estavam em péssimas condições, inclusive dois sobrados estavam completamente destruídos, só restando a fachada”, conta o arquiteto Celso Rayol.

As intervenções começaram por uma exigência do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), que requeria a junção de dois sobrados em dois. Depois, como conceito comercial, a ideia era aproveitar os espaços generosos com entrada livre de luz natural e uma materialidade que traduzisse a passagem do tempo do passado para o futuro.

Processo de retrofit

Para que não houvesse nenhuma intervenção invasiva, foi necessária uma estratégia de obra que permitisse a manutenção do máximo dos elementos originais do edifício e um remanejamento do canteiro de obra para os estreitos vãos de fachada.

“A fachada foi restaurada num processo minucioso, principalmente de toda a parte de ferro e cantaria. A participação da Cité ficou por conta de estabelecer a nova cor da fachada”, comenta Fernando Costa, que divide a autoria do projeto com Celso Rayol. O resultado passa por uma variação de branco e bege, que ajuda a destacar os elementos e garantir a expansão da luz num lugar muito prejudicado pelas sombras dos grandes prédios.

A entrada de iluminação natural é favorecida pelos grandes vãos das esquadrias e pela utilização de uma claraboia para ventilação. “Nos halls e áreas comuns, a iluminação é pontual, valorizando os elementos expressivos como o painel de madeira, a escada escultórica e as paredes mantidas com os tijolos originais”, explica Rayol. Os arquitetos também recorreram a pendentes para valorizar o pé-direito duplo do espaço.

A manutenção das paredes originais com espessura generosa vence grande parte dessas problemáticas e os painéis de madeira, que serviram como porta das áreas de maquinário, têm propriedades acústicas.

Design e integração

Flexíveis, as plantas podem ser aproveitadas pelas empresas de diferentes formas, possibilitando os mais arrojados layouts. Outra vantagem é que as integrações entre ambientes podem ser totais.

Já o design dos elementos internos foi pensado a partir de uma releitura mais contemporânea dos elementos externos existentes.


Escritório

Cité Arquitetura5 projeto(s)

Local: RJ, Brasil

Tipo de obra:
Edifícios comerciais
Tipologia:
Comercial

Materiais predominantes:

Diferenciais técnicos:

Slideshow
novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo