> > > Escola de Governo do Estado do Rio Grande do Norte

Escola de Governo do Estado do Rio Grande do Norte

Escola de Governo do Estado do Rio Grande do Norte
Edifício de dois pavimentos possui salas de aula e auditório bem iluminados e ventilados, graças às aberturas marcadas por seu formato horizontal Foto/Imagem:Ramón Vasconcelos

Aberta ao conhecimento

Com fortes linhas horizontais, a Escola de Governo do Estado do Rio Grande do Norte, localizada em Natal, foi projetada visando melhorar o desenvolvimento dos servidores públicos em relação aos conhecimentos da gestão pública. O novo edifício foi implantado no complexo inaugurado no final da década de 80 – um centro cívico composto pelo gabinete do governador, repartições públicas e secretarias – seguindo a mesma tipologia dos prédios já existentes.

“Embora tenha sido idealizada para atender as funções de uma escola voltada à administração pública, a edificação também funciona como um centro de convenções do governo do Estado, como uma opção de espaço dentro do centro administrativo”, explica o arquiteto responsável pelo projeto, Carlos Ribeiro Dantas.

Estrutura e distribuição das salas

A estrutura – implantada em concreto convencional, com fechamentos em alvenaria – cumpre papel determinante na plástica do conjunto, marcado pelos brises, rampas e balcões. A escola possui dois pavimentos, com volumes paralelos distribuídos nos dois andares que criam vazios para a entrada de ventilação e luz natural.

A diretoria, a secretaria, o refeitório, a sala dos professores e as salas de aula compõem o andar térreo; enquanto o andar superior abriga a sala de conferências (auditório), sala para federação dos municípios e a biblioteca. “A criação da biblioteca e arquivo suprirá a inexistência de um local apropriado para reunião de informações referentes à gestão pública, formando um importante acervo de memória do Estado do RN”, destaca o arquiteto.

Materiais e soluções

De acordo com Carlos, o auditório possui layout flexível graças à instalação de painéis móveis com isolamento acústico. Eles se integram ao foyer com pé-direito duplo e iluminação zenital. “Paralelo a este espaço, desenvolve-se extensa rampa acessível, responsável pela conexão com o pavimento superior, onde estão localizadas a biblioteca e arquivo, totalizando mais de 1.000m²”, ressalta.

Além disso, as alvenarias externas que fecham o auditório receberam pintura texturizada. “As juntas foram definidas com perfis de alumínio em U, formando painéis de, aproximadamente, 1 x 2 metros”, conclui.

 


Produtos utilizados nesta obra

Parede Móvel Acústica Hufcor

Wall System

Escritório

Carlos Ribeiro Dantas Arquitetura11 projeto(s)

Local: RN, Brasil
Início do projeto: 2010
Conclusão da obra: 2012
Área do terreno: 12.300
Área construída: 5.600

Tipo de obra:
Escolas

Materiais predominantes:

Diferenciais técnicos:

Slideshow

Ficha Técnica

Exibir mais itens
novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo