> > > Casa no Vale das Araras

Casa no Vale das Araras

Casa no Vale das Araras
Implantada de frente para a rua, a Casa no Vale das Araras adapta-se totalmente aos limites do terreno Foto/Imagem:Leonardo Finotti

Adaptada ao terreno

Localizada no Vale das Araras, que originou o nome da residência, a construção teve de lidar com a dificuldade da geografia e topografia acidentada do terreno. “A solução foi assentar o volume dos quartos no declive do terreno, e sobre eles dispor o terraço e as áreas sociais definidas por uma grande cobertura. A morada foi inspirada na Casa das Canoas, de Oscar Niemeyer”, explica o arquiteto Bruno Santa Cecília, do escritório Arquitetos Associados.

Tudo começou com a ideia de posicioná-la o mais próximo possível da rua, para minimizar a interferência nas áreas próximas à vegetação. A implantação escalonada do volume é o destaque do projeto. “A organização espacial seguiu o programa arquitetônico e definimos três conjuntos de necessidades e posições diferentes para a residência: áreas social, de serviço e íntima”, conta o arquiteto.

Concepção da fachada

O desenho responde de forma positiva ao conjunto de restrições impostas pelo lugar. Para a construção da fachada, os arquitetos utilizaram vedações externas e privilegiaram o uso do vidro para garantir a continuidade visual entre interior e exterior. “Na fachada, optamos pelo tijolo maciço, por ser um material que dispensa acabamentos e mantém-se física e plasticamente íntegro ao longo do tempo”.

Integração de ambientes

A abertura total das esquadrias e o uso do mesmo material nas áreas internas e externas, como a pedra portuguesa, reforçam a continuidade física e visual do partido em direção à paisagem. A proposta do escritório foi de integração, com limites estabelecidos apenas por divisórias de vidro do chão ao teto.

“Para complementar a fluidez do espaço, usamos paredes de alvenaria, assim como estrutura de concreto aparente, que não chega à cobertura e segue livre sem interferências”, comenta Bruno.

A área social é voltada para a rua, sendo marcada por uma grande cobertura branca e transversal, que parte um dos limites laterais da construção. Já os terraços circulam grande parte do pavimento no nível da rua, revestidos pelas pedras portuguesas brutas. No interior da casa, as pedras são polidas e se espalham pelas áreas de estar, jantar e cozinha.

Escritório

Arquitetos Associados18 projeto(s)

Local: MG, Brasil
Início do projeto: 2008
Conclusão da obra: 2010
Área construída: 297

Tipo de obra:
Residência
Tipologia:
Residencial

Materiais predominantes:

Diferenciais técnicos:

Slideshow

Receba gratuitamente os Boletins e
Informativos da Galeria da Arquitetura.

(55 11) 3879-7777

Fale conosco Anuncie

Outros produtos da e-Construmarket

novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo