,
> > > Residência EL

Residência EL

Residência EL
O diálogo do concreto aparente com a madeira e um extenso programa definem o projeto realizado pelo escritório Reinach Mendonça Arquitetos Associados Foto/Imagem:Nelson Kon

Uso racional em volumes distintos

A busca pela melhor vista e a topografia do lote de esquina, localizado no condomínio Quinta da Baroneza, em Bragança Paulista (SP), determinaram a organização do extenso programa previsto para a Residência EL. Com 3,5 mil m² de terreno, a residência, concebida pelo escritório Reinach Mendonça Arquitetos Associados, é marcada pela setorização dos usos – social, privativo e de apoio – em volumes distintos.

“O programa extenso e complexo da casa nos levou a adotar um partido arquitetônico subdividindo as funções em diferentes blocos construtivos”, explica o arquiteto Henrique Reinach, um dos autores do projeto junto ao sócio Maurício Mendonça.

De acordo com os profissionais, a composição desses três conjuntos, interligados por eixos de circulação, resolveu a disposição dos ambientes de maneira leve e articulada tanto em relação ao formato irregular da esquina quanto ao aclive acentuado da gleba. “Além disso, cada porção foi adequadamente arranjada e distribuída para o aproveitamento das faces ensolaradas. Assim, privilegiamos a convivência com o exterior e a paisagem do campo”, acrescenta Reinach.

O projeto estrutura-se em três pavimentos Foto: Nelson Kon

Concluída em 2015, a morada de temporada diferencia os três blocos tanto em relação ao uso, quanto na escolha dos materiais, como concreto aparente, madeira e vidro, que por sua vez definem a identidade da residência.

A área construída da Residência EL supera os 1,1 mil m², então os arquitetos tiveram espaço suficiente para atender às necessidades dos clientes. Além disso, a adoção de automação residencial lhes permitiu pensar na complexidade do projeto com certa liberdade.

Três conjuntos

As áreas de circulação estabelecem a distribuição dos setores ao longo desses três blocos que constituem a residência. O primeiro deles, que é marcado pela simplicidade da alvenaria revestida de pintura branca, se volta para uma rua privativa e para a fachada sul. Ele acomoda os ambientes de apoio – garagem, cozinha, área de serviço e dependências de serviço – e abraça o segundo volume, que abriga as principais ocupações da casa. “Posicionado para a face nordeste em função da vista, esse corpo possui dois pavimentos, executados em concreto aparente sobre pilotis de aço”, descreve Reinach.

O primeiro piso da Residência EL contempla living, salas de jantar, brinquedoteca e home theater, que se abrem para a paisagem externa através das portas de correr feitas de vidro, tal como um terraço conectado ao jardim. Já no andar de cima, estão as três suítes e uma pequena sala.

Ao combinar estrutura metálica com fechamentos verticais em concreto aparente e madeira, a edificação principal confere um caráter que dialoga com a arquitetura brutalista. Os espaços voltam-se para a face nordeste, de onde se revelam vistas privilegiadas para a paisagem do entorno, além da entrada de luz natural.

Área de lazer

Esse corpo formado pelo bloco de apoio, em alvenaria, e o principal, de concreto e metal, ganha destaque com a presença marcante do terceiro volume, que mantém a linguagem arquitetônica do restante do projeto.

Residência EL - Uso racional em volumes distintos
A pintura branca sobre a alvenaria neutraliza a presença marcante do concreto nos espaços internos Foto: Nelson Kon

Implantado em um nível mais baixo, esse último bloco se conecta à Residência EL por uma cobertura em pergolado, e aloja duas suítes de hóspedes, situadas no pavimento térreo. No pavimento inferior, estão o spa e a sauna, que se conectam ao jardim. “A convergência dessas edificações resulta em uma implantação em L que contorna o pátio da piscina no nível intermediário”, afirma Henrique Reinach.

Segundo o arquiteto, a instauração da Residência EL está em harmonia com a topografia original do lote, priorizando o uso das áreas externas à esquina, em uma relação discreta e respeitosa com as ruas e residências vizinhas.

Escritório

Reinach Mendonça Arquitetos Associados12 projeto(s)

Local: SP,Brasil
Início do projeto: 2012
Conclusão da obra: 2014
Área do terreno: 3472
Área construída: 1187

Tipo de obra:
Residência
Tipologia:
Residencial

Materiais predominantes:

Diferenciais técnicos:

Ambientes e Aplicações:

SlideshowDesenhos e plantas

Ficha Técnica

Exibir mais itens
novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo