> > > Casa de Vila I

Casa de Vila I

Casa de Vila I
Após reforma, residência ganhou áreas abertas em seu interior, para maior integração e aproveitamento de espaços Foto/Imagem:Carolina Ribeiro

Cheia de charme

O programa de reforma da residência de um casal apaixonado pela essência da morada de vila foi milimetricamente planejado com soluções inovadoras para a otimização e aproveitamento dos espaços.

De acordo com os arquitetos responsáveis pelo projeto, Thais Aquino, Luis Felipe Bernardini e Marcelo Nunes – do escritório dt. estúdio –, foi necessária a criação de áreas abertas no interior da casa, localizada no bairro do Itaim, em São Paulo. “Em geral as pessoas tendem a aumentar os espaços cobertos. Nesse projeto, os moradores concordaram com a criação do ‘pátio’ interno no centro. Com isso ganhamos paredes externas e concebemos aberturas para ventilação e iluminação que transformaram os ambientes. Nos banheiros, também buscamos a luz natural com o uso de claraboias”, explicam.

Antes a morada possuía dois quartos. Após a reforma, os estudos de viabilidade permitiram a instalação de mais um – com possibilidade futura de quatro dormitórios no total, sendo dois deles suítes. “Como gostavam muito da casa e da localização, os donos preferiram investir em uma reforma pesada, capaz de transformar a construção em um lar para acolher os filhos no futuro. Foi necessário um projeto que respeitasse as características da residência. Partindo desse conceito, reaproveitamos elementos existentes”, ressaltam os arquitetos.

Materiais predominantes e reaproveitamento de espaços

O grande diferencial da construção é o reaproveitamento máximo dos espaços – tanto nas soluções da reforma quanto nas de marcenaria. “Sempre tivemos a ideia de que cada canto poderia ser utilizado, assim como alguns materiais. Aproveitamos a madeira do piso e da bancada (que virou a bancada do lavabo), as bancadas de pedra, o guarda-corpo de vidro, boa parte da marcenaria, das louças e dos metais”, destacam.

O tecnocimento – ou cimento queimado – é predominante no piso interno. Além disso, a madeira foi muito utilizada nos quartos, reaproveitada da própria casa e relocada de um ambiente para outro. Os arquitetos também destacam o uso de cimento queimado tradicional nos banheiros para evitar problemas com umidade, além de ladrilho hidráulico nos pisos externos. “Nas paredes alternamos tijolos descascados originais da residência e superfícies emassadas na cor branca. As lajes novas de concreto moldado in loco ficaram aparentes para marcar a intervenção da reforma”, enfatiza a equipe.

 

Produtos utilizados nesta obra

Ladrilhos Hidráulicos - Dalle Piagge

Dalle Piagge

Fornecedores desta obra

Escritório

dt.estudio9 projeto(s)

Local: SP,Brasil
Início do projeto: 2012
Conclusão da obra: 2013
Área do terreno: 102
Área construída: 120

Tipo de obra:
Residência
Tipologia:
Residencial

Materiais predominantes:

Diferenciais técnicos:

Slideshow

Ficha Técnica

Exibir mais itens
novidadesfechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo