> > > Cidade Jardim

Cidade Jardim

Cidade Jardim
Defensor do conceito Calçada Viva, Benedito Abbud, trouxe ao projeto Cidade Jardim, no Rio de Janeiro, a ideia de passeios públicos nivelados, arborizados e acessíveis a pessoas com necessidades especiais de locomoção Foto/Imagem:Mariana Moreth

Calçada viva

Em meio à cidade de pedra é possível encontrar o imenso quintal verde projetado pelo arquiteto paisagista Benedito Abbud. O condomínio residencial Cidade Jardim é a grande vista dos moradores e da vizinhança na região da Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro. O escritório destaca a oportunidade de aplicar nesse projeto o conceito da paisagem estruturada como elemento urbano em sintonia com o Plano Diretor do arquiteto e urbanista Lúcio Costa.

Na área de 512 mil m², cerca de 150 mil m², ou 30% de todo o terreno, acomoda áreas verdes de acesso ao público. O planejamento da distribuição destas foi concebido em parceria com o zoneamento das atividades e o plano de arruamento, que ajudam a definir escalas de tratamento urbano em conjunto com a estratégia de bairro.

Passeios com qualidade ambiental

“Os parques permitem a evidente melhora na qualidade ambiental com a utilização de vegetação nativa, frutíferas e floríferas para atrair a avifauna, promover sombreamento durante os deslocamentos e atividades, além de um considerável ganho em conforto térmico. Todos estes aspectos contribuem para a tendência urbana de promover um contato maior com a natureza", aponta o arquiteto paisagista Benedito Abbud.

Para conceder uma utilização agradável, as áreas com pisos se restringem ao mínimo: ciclovia com revestimento asfáltico e playgrounds com piso emborrachado. Os passeios de pedestres foram tratados com piso intertravado, asfalto e saibro. Para garantir equilíbrio na preservação estética e ambiental, as redes de telefonia, eletricidade, água, esgoto e iluminação pública são subterrâneas.

Arquitetura paisagística

Desenvolvido em parceria com o plano diretor do bairro, o trabalho de planejamento paisagístico é uma tendência observada em projetos urbanos mais humanos e sustentáveis. Além disso, os principais objetivos para a criação desses espaços vivos e dinâmicos – para que consigam acolher as formas de ser e viver das pessoas – é potencializar as relações de identidades, pertencimento e vizinhança nas áreas públicas do bairro, em conjunto com um tratamento ambiental que maximize a natureza.

O aspecto predominante dessa arquitetura paisagística é a sensação proporcionada pela vegetação, que foi escolhida com procedência nativa da restinga e Mata Atlântica.

De acordo com Felipe Abbud, arquiteto responsável pelo núcleo de urbanismo do escritório Benedito Abbud, este é um exemplo de sustentabilidade planejada a longo prazo. Isso permite aliar moradia a uma vida na qual as pessoas têm acesso a escolas, comércio e lazer sem a necessidade do uso de carro e com segurança.

Calçadas verdes

O arquiteto Benedito Abbud é defensor do conceito Calçada Viva, que integra a ideia de passeios públicos nivelados, arborizados, acessíveis a pessoas com necessidades especiais de locomoção, que passam a ser tratados como elemento importante no processo urbanístico.

Escritório

Benedito Abbud Arquitetura Paisagística2 projeto(s)

Local: RJ,Brasil
Início do projeto: 2000
Conclusão da obra: 2020
Área do terreno: 512.000
Área construída: 150.000

Tipo de obra:
Praças e parques
Tipologia:
Urbanismo

Materiais predominantes:

Diferenciais técnicos:

Ambientes e Aplicações:

Slideshow

Ficha Técnica

Exibir mais itens
novidadesfechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo