> > > Residência Unifamiliar - São Paulo

Residência Unifamiliar - São Paulo

Residência Unifamiliar - São Paulo
Blocos sobrepostos e o curioso contraste entre panos de vidro e concreto criaram uma construção que parece flutuar sobre o terreno em aclive Foto/Imagem:Rômulo Fialdini

Volumetria em balanço

Uma casa feita sob medida para os dias úteis e o lazer dos finais de semana. Com esse ponto de partida, o escritório Sidonio Porto Arquiteto Associados tirou o máximo proveito do terreno de 851 m², íngreme e de esquina, ao optar por um projeto com partido em ‘L’, construção em três pavimentos e estrutura em concreto. A residência de 713 m² apresenta volumetria marcante, com grandes dimensões e ótimo aproveitamento da área.

Este projeto se caracteriza por respostas corretas a condicionantes naturais como topografia e clima, além de atender ao desejo dos proprietáriosMárcio Porto De forma surpreendente, destaca-se o jogo entre cheios e vazios estabelecido pelo contraste entre o concreto e os panos de vidro intercalados; sobreposição de blocos em diferentes tamanhos que favorece vários balanços e iluminação natural abundante, favorecida pela transparência da construção. A solução amenizou o terreno em aclive, maximizou as interferências de corte e aterro, liberando amplas áreas para convivência.

O pátio com piscina foi posicionado na parte posterior da casa, justamente o local mais ensolarado e visualizado a partir de quase todos os ambientes. A surpresa arquitetônica fica por conta de uma inusitada conexão entre a piscina e a sauna, em que uma pequena raia prolonga-se até o interior da sauna, promovendo a ligação submersa entre os dois espaços.

“Este projeto se caracteriza por respostas corretas a condicionantes naturais como topografia e clima, além de atender ao desejo dos proprietários. Acreditamos contribuir com a realização de algo maior, envolvendo a integração do homem ao mundo que habita”, relata Marcio Porto, autor do projeto e sócio-diretor do escritório.

Planta

O terreno com formato trapezoidal e de esquina evidencia um programa com a menor quantidade possível de desníveis. Em três pavimentos, o arquiteto posicionou a entrada no piso inferior; as áreas de convivência no térreo e a área íntima no superior. Logo na chegada, reservada também à garagem, destaca-se um grande vazio com relação aos outros dois níveis, que parecem flutuar um sobre o outro. “Isso acontece porque o átrio de entrada responsável por conectar os níveis da casa possui pé-direito triplo e grandes superfícies de vidro”, reflete Marcio Porto.

O espaço chama a atenção pela plasticidade da escada vazada – nesse vazio, futuramente O conjunto garante a sensação de amplitude, tornando o ambiente muito mais claro e agradável ao capturar a iluminação naturalMárcio Porto poderá ser instalado um elevador cilíndrico a vácuo – e da passarela. Ambas levam aos dois blocos superiores. A farta luminosidade natural banha o local através da grande porta de vidro e da claraboia. “O conjunto garante a sensação de amplitude, tornando o ambiente muito mais claro e agradável ao capturar a iluminação natural”, explica Márcio Porto.

Construção suavizada

“O paisagismo contemplou todo o terreno, incluindo a área verde vizinha, com se fosse um ambiente contínuo e integrado. Trata-se do espaço entre o pátio de convivência e a calçada lateral, um trecho em talude, pertencente ao condomínio. Ele preserva a qualidade do microclima local e ainda contribui para suavizar a presença do volume construído”, relata Marcio Porto. O paisagismo leva a assinatura da arquiteta Lucia Porto, sócia-diretora do escritório Sidonio Porto Arquitetos Associados.

A instalação de um sistema para coleta e reaproveitamento de água das chuvas também faz parte do projeto arquitetônico que prima pela qualidade de conforto físico e psicológico proporcionada pelos materiais especificados. “O resultado é um efeito positivo sobre o usuário”, conclui Marcio Porto.


Escritório

Sidonio Porto Arquitetos Associados7 projeto(s)

Local: SP, Brasil
Início do projeto: 2008
Conclusão da obra: 2011
Área do terreno: 851
Área construída: 713

Tipo de obra:
Residência
Tipologia:
Residencial

Materiais predominantes:

Diferenciais técnicos:

Ambientes e Aplicações:

Slideshow

Ficha Técnica

Exibir mais itens
novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo