> > > Restaurante Atracado

Restaurante Atracado

Restaurante Atracado
Projetado pelo escritório Mínimo Arquitetura e Design, o Restaurante Atracado possui espaços aconchegantes e contemplativos da bela paisagem do Lago Paranoá, em Brasília Foto/Imagem:Haruo Mikami

Vista privilegiada

Idealizar um estabelecimento com 188 m² à beira do lago Paranoá, em Brasília (DF), e com os ambientes essenciais organizados em um container marítimo foi o partido que definiu o projeto arquitetônico do Restaurante Atracado. O trabalho foi assinado pelo escritório Mínimo Arquitetura e Design.

O escritório considerou a fluidez entre os espaços, planejando a cozinha e o bar em um container com 12 m; a varanda com mesas e cadeiras na lateral do restaurante; e o deck superior que é um lounge mais privativo para os clientes. A Ponte Juscelino Kubitschek, uma das belíssimas esculturas brasilienses, complementa a vista do restaurante.

Na área do bar, um módulo abriga o DJ. O elemento se destaca e corre em trilhos e, quando fechado, se encaixa perfeitamente na parte da frente do container. Já o bar é todo revestido em painel de tiras de madeira com pintura escura e recortado por filetes de perfis com iluminação em LED que ajudam a ambientar o clima descontraído durante o happy hour.

O lounge privativo possui belíssima vista para o Lago Paranoá Foto: Haruo Mikami 

Ambientes náuticos

Os arquitetos decidiram elaborar o projeto em sintonia com a comunicação visual, que adotou uma temática náutica. As mesas possuem formatos orgânicos com pés em formato de “quilha", que foram desenhadas exclusivamente para o restaurante pelo Jahara Studio. Já a pintura, que foi inspirada em temas náuticos e em grafismos geométricos, ornamenta toda a lateral do container e é de autoria do estúdio OSILVA. Por fim, a arte das cordas que remetem às algas é um trabalho do Estúdio Polpa.

Toda a composição artística do projeto harmoniza com o conjunto que traz uma atmosfera náutica e leve para o espaço. No deck superior, o lounge foi concebido com formas orgânicas que remetem ao movimento e à suavidade das ondas e é entremeado por jardineiras.

A pedido dos proprietários, o escritório explorou as cores do mar – tons de azul claro e azul escuro – na volumetria principal do Atracado. Para quebrar a monotonia dessas cores, o vermelho e o branco foram empregados juntos na arte. Além disso, a decoração dos espaços foi pensada para ser leve, moderna e aconchegante.

Na fachada, o único container foi destacado e os espaços abertos permitem vista de todo o exterior. O paisagismo tropical, com árvores e jardim vertical, foi pensado para proporcionar mais frescor ao restaurante.

Veja outros restaurantes na Galeria da Arquitetura:

Maritimu’s Ox, por Studio Urbano Arquitetura e Interiores

Taj Brasília, por Studio Guilherme Bez

Restaurante Mes Amis, por Morence Arquitetura + Design


Escritório

Mínimo Arquitetura e Design1 projeto(s)

Local: DF, Brasil
Conclusão da obra: 2018
Área construída: 188

Tipologia:
Comercial

Materiais predominantes:

Diferenciais técnicos:

Ambientes e Aplicações:

Slideshow Desenhos e plantas
novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo