> > > Studio Cento e 7 Ene

Studio Cento e 7 Ene

Studio Cento e 7 Ene
Um edifício projetado pelo arquiteto em 1978 já recebeu a TV Manchete e uma escola. Agora, parte dele recebe o Studio Cento e 7 Ene, feito para um único morador cosmopolita que adora receber amigos Foto/Imagem:Haruo Mikami

Casa-estúdio com traços de Niemeyer


Boa parte de Brasília é marcada pelos traços inconfundíveis de Oscar Niemeyer. Entre os edifícios projetados pelo arquiteto está a Casa da Manchete, inaugurada em 1978, que serviu de sede para a extinta TV Manchete e, posteriormente, para uma escola.

Recentemente veio a proposta de reativação do prédio, que passaria a abrigar novos projetos. Um deles é o Studio Cento e 7 Ene, uma residência projetada pelo escritório Debaixo do Bloco Arquitetura.

O espaço de 68 m² virou a morada de um cliente cosmopolita que mora sozinho, gosta de arte, viaja bastante, mas quando está em casa adora receber amigos.

Elementos construtivos

A casa é organizada em três alas que contornam um pátio central, formando um desenho em “u”. O piso da casa original possuía diferentes níveis: o primeiro para a rua e os outros para as salas de aula. O nível foi igualado, mas com a isso a sala perdeu amplitude visual. “Para resolver esse problema foram criados forros setorizados, mas descolados da telha”, comenta o arquiteto Clay Rodrigues, um dos responsáveis pelo projeto. Assim, o telhado ficou aparente e o pé-direito, alto.

“Os forros setorizados delimitam de forma sutil os ambientes. Eles possuem alturas diferentes, e de forma gradual ficam mais baixo conforme o uso do ambiente”, explica Rodrigues. Na cozinha, permitem 2,70 m; na sala, 2,40 m; no quarto, 2,20 m; e, por fim, o cubo do banheiro com 2,10 m.

Apesar dos tirantes visíveis para segurar esses forros, a sensação é que eles estão flutuando no espaço, em especial de noite quando a telha desaparece e o forro se destaca.

Outro elemento construtivo são os brise-soleil verticais locados nas fachadas frontal e posterior. Eles são uma forma de integrar o interior com o exterior, diminuindo a incidência da luz solar. Além disso, criam janelas esguias que obedecem a um ritmo – inspiração trazida de um prédio residencial da quadra 107 norte de Brasília.

Os quadros se destacam nas paredes neutras Foto: Haruo Mikami 

Diferentes elementos estruturais – telhas, treliças, estruturas e instalação – foram pintados de branco. O resultado uniu os elementos e trouxe mais conforto visual.

Decoração

Apesar de toda a dinâmica da casa estar integrada, somente sala, cozinha e home office estão completamente fundidos. O banheiro e o quarto são isolados de forma parcial – podendo ser total também por dois elementos.

“O primeiro é um pilar de 1,10 metro de comprimento que ajuda na estruturação das treliças do telhado e faz a delimitação física e visual da sala de jantar/cozinha para o quarto”. Além disso, serve de apoio para um bar e suporte para a única TV da casa.

O segundo é um cubo preto de pedra levigada com 2,20 m de altura, solto do teto, que cria privacidade necessária para o ambiente. A escala reduzida e a cor foram definidas propositalmente com o intuito de levar sensação de abrigo e intimidade.

Na decoração, o mobiliário é 100% brasileiro, assim como todas as pedras que revestem piso, bancadas e paredes, junto a objetos pops, revistas de moda e lembranças de viagem. Quadros do artista Christus Nobrega e Aldemir Martins são destaques no espaço e realçam ainda mais graças ao fundo neutro das paredes – uma mistura de cimento e cola desenvolvida durante a obra.

Iluminação cenográfica e pontual compõe o interior do ambiente junto a uma marcenaria em madeira freijó desenhada pelo escritório.

Veja outros projetos em Brasília na Galeria da Arquitetura:

Casa CA, da Arquitetura 1

Casa Vila Rica, do BLOCO Arquitetos

Casa Solar da Serra, da 3.4 Arquitetura

Escritório

Debaixo do Bloco Arquitetura6 projeto(s)

Local: DF, Brasil
Área construída: 68

Tipologia:
Residencial

Materiais predominantes:

Diferenciais técnicos:

Ambientes e Aplicações:

Slideshow

Receba gratuitamente os Boletins e
Informativos da Galeria da Arquitetura.

(55 11) 3879-7777

Fale conosco Anuncie

Outros produtos da e-Construmarket

novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo