> > > Escritório Iglesias

Escritório Iglesias

Escritório Iglesias
Detalhamento de materiais e do projeto paisagístico criam a arquitetura singular do escritório de advocacia Iglesias, concebido pelo Padovani Arquitetos + Associados Foto/Imagem:Ronaldo Rizzutti

Encontro entre arquitetura e paisagismo

Localizado numa região nobre da cidade de Campinas (SP), o edifício do Escritório Iglesias se destaca na paisagem urbana. Responsável pelo projeto, a equipe do Padovani Arquitetos + Associados utilizou materiais como vidro, pedra natural e aço para fazer a integração entre arquitetura e paisagismo.

Antes de ser ocupado por esta empresa de advocacia, o terreno abrigava uma construção antiga, cujas paredes de alvenaria foram estrategicamente reposicionadas. “O objetivo era dar praticidade e funcionalidade aos espaços de trabalho, além de manter a privacidade das salas de reunião”, explica.

A partir disso, a edificação conseguiu abrigar o programa de necessidades da empresa com elegância, tomando partido da iluminação natural de maneira dosada.

De acordo com o arquiteto Lucas Padovani, o design é um reflexo do posicionamento estratégico dos espaços internos e das aberturas do edifício. “Este raciocínio norteou o equilíbrio da volumetria, sobretudo, o desenho dos beirais de concreto e da estrutura metálica”, expõe.

Materiais e vegetação

A sede do Escritório Iglesias foi posicionada com suas aberturas e transparências voltadas para a praça, que fica logo à frente do terreno e abraça o prédio. Além do vidro – instalado em locais estratégicos para favorecer a entrada de uma luz mais indireta e filtrada –, a fachada é marcada por outros revestimentos, como pedra ferro filetada e vigas metálicas.

Os guarda-corpos de vidro permitem a integração dos ambientes internos Foto: Ronaldo Rizzutti

De forma mais contida, a luz indireta ressalta todos esses elementos externos, enquanto, internamente, a iluminação é direcionada para cada uso específico de trabalho, mas sem exageros, já que há abundância de luz natural.

Com as faces transparentes é possível enxergar a beleza da escada que se desenrola pelos três pavimentos do edifício, estabelecendo a circulação vertical do projeto. Nesse pé-direito duplo do térreo, ela separa de um lado o hall e a recepção; e de outro as salas de reunião e de trabalho.

Ali, a vegetação volta a aparecer em algumas passagens, como no corredor que fica em frente às salas dos diretores e segue recheado de samambaias. Com mais destaque, o caminho entre a sala de reunião e a escada recebe grandes palmeiras, que alcançam até o último patamar do escritório. “Essas ‘paredes verdes’ realçam o encontro entre arquitetura e paisagismo”, define Padovani.

Interior pontuado pela madeira

O arquiteto comenta que o detalhamento de interiores, os acabamentos e o design do mobiliário foram pensados para refletir as características de um escritório de advocacia. Ou seja, esse conjunto deveria representar formalismo, privacidade e refinamento. Para isso, o Padovani Arquitetos + Associados trouxe a madeira para ser usada de diversas maneiras.

O material está presente em toda a marcenaria, nas esquadrias das divisórias e também no acabamento do guarda-corpo da escada.


Escritório

Padovani Arquitetos9 projeto(s)

Local: SP, Brasil
Conclusão da obra: 2017

Tipo de obra:
Escritórios
Tipologia:
Corporativo

Materiais predominantes:

Diferenciais técnicos:

Ambientes e Aplicações:

Slideshow

Ficha Técnica

Exibir mais itens
novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo