> > > MIS Experience

MIS Experience

MIS Experience
O principal objetivo do MIS Experience era proporcionar experiências imersivas e multissensoriais a partir da combinação de arte e tecnologia Foto/Imagem:Divulgação Gustavo Penna Arquiteto

MIS

Proporcionar experiências imersivas e multissensoriais a partir da combinação de arte e tecnologia. Esse foi o principal objetivo que orientou o desenvolvimento do projeto de ampliação e revitalização do Museu da Imagem e do Som, em São Paulo, o MIS Experience.

Em um terreno de cerca de 2.261 m², a intervenção incorpora ao equipamento cultural um galpão com 10 metros de pé-direito, onde funcionou, por muitos anos, a marcenaria da TV Cultura. A construção de característica monolítica se estende de forma paralela às ruas Cenno Sbrighi e Vladimir Herzog, no bairro da Água Branca. A proposta, concebida pelo arquiteto mineiro Gustavo Penna, respeitou o perímetro construído, as áreas cobertas pré-existentes e a altimetria.

O programa contempla um salão com 400 m² destinado a exposições, realização de cursos e outras atividades. Também prevê a construção de novos espaços de apoio, como restaurante com capacidade para 60 usuários, loja, banheiros, cozinha e guarda-volumes.

A preocupação em produzir uma edificação que causasse impacto no entorno é evidenciada pelas fachadas que “ganharam vida” com o revestimento de telas tensionadas para receber projeções. “Buscamos criar algo que tivesse presença, especialmente porque o MIS Experience está em uma região da cidade historicamente industrial, que passa por um processo de requalificação urbana”, comenta Penna.

Outro aspecto estruturante do projeto era garantir que espaços expositivos e áreas de apoio localizados no salão principal tivessem flexibilidade o bastante para poder explorar múltiplos formatos e mídias. “Em todo o mundo, os museus estão passando por transformações, deixando de ser um local para a exibição de peças estáticas para serem locais imersivos, que proporcionem experiências enriquecedoras e evoquem emoções. O MIS Experience foi desenvolvido com olhos voltados para essas mudanças, para viabilizar a exploração de recursos visuais e sonoros de forma mais interativa”, explica Gustavo Penna.

A circulação, comumente crítica em instalações culturais, foi cuidadosamente estudada em busca de soluções que permitissem aos usuários uma experiência fluída. Foram adotadas, inclusive, estratégias de traffic calm para tornar a experiência dos pedestres mais segura e confortável.

Veja outros projetos na Galeria da Arquitetura:

Museu da Língua Portuguesa, por Arte3

Museu de Tijolo, por Brasil Arquitetura

Museu de Fotografia, por Marcus Novais Arquitetura


Escritório

Gustavo Penna Arquiteto e Associados27 projeto(s)

Local: SP, Brasil
Área do terreno: 2.261

Tipo de obra:
Museus

Materiais predominantes:

Diferenciais técnicos:

Slideshow

Ficha Técnica

Exibir mais itens
novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo