> > > Aeroporto

Aeroporto

Aeroporto
Essencialmente contemporâneo, o projeto de 9 mil m² tem estrutura em steelframe e pilares inclinados Foto/Imagem:Divulgação

Transparência protegida

O aeroporto na Bahia, planejado pelo arquiteto Fabiano Hayasaki, tem área construída de 9 mil m² e se beneficia das planícies da região. Como o terreno era praticamente retilíneo não foi necessária grande intervenção para o alicerce, bastou fundação de concreto. Já a estrutura é toda metálica, em steelframe, o que também permitiu uma escolha arrojada por parte de Hayasaki, que projetou os pilares todos inclinados. “Aviação remete à tecnologia e modernidade, por isso, o conceito e estilo do design do prédio apela para a inovação”, explica.

Vidros foram aplicados nas laterais norte e sul do pavilhão: “Ou seja, nunca haverá incidência de sol nos ambientes internos”, explica Hayasaki. Com o recurso, durante o dia, a iluminação é natural; já à noite, as luzes artificiais são de lâmpadas de LED econômicas.

Atenção passageiros

Para proporcionar mais comodidade aos passageiros e amenizar o barulho das turbinas foram adotadas telhas tipo sanduíche e forros acústicos. O aeroporto possui, ainda, pé-direito generoso e ambientes tipo ‘lounges’, que acomodam e ajudam a organizar melhor a funcionalidade e os fluxos dentro do pavilhão.


Escritório

Fabiano Hayasaki - Arquitetura Interiores e Urbanismo1 projeto(s)

Local: BA, Brasil
Conclusão da obra: 2015
Área do terreno: 40.000
Área construída: 9.000

Tipo de obra:
Aeroportos
Tipologia:
Infraestrutura

Materiais predominantes:

Diferenciais técnicos:

Slideshow Desenhos e plantas
novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo