> > > Unilever Brasil

Unilever Brasil

Unilever Brasil
Ao longo de seus 13 mil m² de área, a nova sede da Unilever Brasil, projetada pelo escritório athié wohnrath, prima pelo bem-estar de seus colaboradores, pela sustentabilidade e pelo incentivo ao trabalho criativo Foto/Imagem:Pregnolato & Kusuki Estúdio Fotográfico

Jovial, colorida e sustentável

Idealizada pelo escritório athié wohnrath, a nova sede da Unilever Brasil traz uma proposta de ambientes que reforça o perfil da marca. O projeto previu um upgrade nas estações de trabalho, maior integração entre os colaboradores e grandes espaços que priorizam o acolhimento e estimulam a criatividade e a diversidade.

O principal desafio para o time de arquitetos foi materializar os pilares da Unilever – sustentabilidade, inovação e diversidade – no edifício corporativo onde está localizado, o WT Morumbi, na zona sul de São Paulo.

A ideia não é necessariamente ter mesas para todos, mas ter lugar para todos, independente de cada função Sérgio Athié

A corporação ocupa o 3° andar da torre A e oito andares da torre B – do 3° ao 10° andar. Ao todo são 13 mil m² de área construída. A execução do projeto foi finalizada em apenas 120 dias.

Espaços divertidos

Para priorizar o bem-estar dos colaboradores, o layout é aberto e flexível. Além disso, as estações de trabalho não são fixas e algumas ilhas de reunião têm fechamentos com cortinas, permitindo a mobilidade entre os espaços.

A variedade de ambientes fomenta o pensamento criativo e inovador, assim como os espaços colaborativos que estão distribuídos pelos andares e desenhados para receber as equipes multidisciplinares.

“Os diversos espaços para trabalho colaborativo são diferentes em suas estruturas: ora com mesas, com sofás ou mesas componíveis. As salas mais reservadas são como cabines telefônicas e servem para trabalhos mais focados. A ideia não é necessariamente ter mesas para todos, mas ter lugar para todos, independente de cada função”, destaca o arquiteto Sérgio Athié que é sócio fundador do athié wohnrath.

No projeto, foi inserido um espaço de inovação e criação tecnológica. As paredes são retráteis, possibilitando a divisão do ambiente por salas de reunião e área multiúso. Além disso, a versatilidade também fica evidente no mobiliário – algumas mesas podem ser usadas como lousa, facilitando a cocriação.

A segunda área de inovação é o coworking. O espaço tem como objetivo ser uma área de squads, que recebe equipes de trabalho de todo o país. E para o lazer dos colaboradores, áreas para descompressão, creche com playground, área para amamentação e amplo refeitório.

Jeito Unilever de ser

Cada andar foi decorado com diferentes cores, todas baseadas no portfólio de produtos da Unilever que, inclusive, estão dispostos em estantes por toda a empresa, trazendo a identidade da marca para o ambiente corporativo.

Para a comunicação visual, o escritório optou por grafismos e imagens que representassem o universo Unilever e a realidade do consumidor brasileiro.

“As nossas inspirações foram também as indústrias e as fábricas antigas. Ao longo dos andares, deixamos tijolos aparentes em algumas áreas e usamos ferro fundido preto. Os tons de paredes com cinza mais escuro contribuem para ambientes mais intimistas”, conta o arquiteto.

Espaço de criação e inovação tecnológica Foto: Sérgio Athié

Sustentabilidade

Desde o início das obras, os arquitetos buscaram priorizar iniciativas que contribuíssem com a sustentabilidade. O projeto foi desenvolvido considerando os requerimentos da Certificação LEED-CI (Leadership in Energy and Environmental Design - Commercial Interiors) e o selo internacional auditado pelo órgão USGBC (United States Green Building Council) para empreendimentos sustentáveis.

As soluções adotadas foram: economizadores de água nas válvulas e torneiras – com redução de até 35% –, sistema de desligamento automático de ar-condicionado, capacidade de resfriamento que consome menos energia, instalação de equipamentos de alto rendimento e luminárias com tecnologia LED que são controladas por sensores de presença e de luminosidade para redução da potência, aproveitando a iluminação natural.

Nesse mesmo conceito, a empresa criou um projeto denominado de zero waste. A iniciativa tem como objetivo eliminar o uso das lixeiras individuais nas mesas e adotar o sistema de coleta seletiva com lixeiras para recicláveis e orgânicos em todos os andares. Ademais, para reduzir a utilização de recursos naturais – como a madeira – as poltronas e cadeiras foram reaproveitadas da sede anterior.

Veja outros projetos corporativos na Galeria da Arquitetura:

Nova Sede da 99

Centro de Convivência da sede da Basf

Linx


Escritório

Athié Wohnrath17 projeto(s)

Local: SP, Brasil
Área construída: 13.000

Tipo de obra:
Escritórios
Tipologia:
Corporativo

Materiais predominantes:

Diferenciais técnicos:

Ambientes e Aplicações:

Slideshow

Ficha Técnica

Exibir mais itens

Receba gratuitamente os Boletins e
Informativos da Galeria da Arquitetura.

(55 11) 3879-7777

Fale conosco Anuncie

Outros produtos da e-Construmarket

novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo