Galeria da Arquitetura

Um jeito diferente de ver o mundo da arquitetura.

10 escritórios de arquitetura que realizam projetos de hotéis

Da esquerda para direita, de cima para baixo: Hotel TW Guaimbê, por Alex Hanazaki Arquitetura Paisagística – Foto: Romulo Fialdini | The 7th Room, por Snøhetta – Foto: Johan Jansson | Hotel Mirante do Gavião, por Atelier O'Reilly Architecture & Partners – Foto: Thais Antunes | Hotel Vila Naiá, por Studio Casa 4 Arquitetura + Design – Foto: Romulo Fialdini | De Lemos, por Carvalho Araújo – Foto: Hugo Carvalho Araújo

Redação Galeria da Arquitetura

A hotelaria é um dos nichos muito atraentes para arquitetos, que podem abusar da criatividade para conceber instalações cada vez mais charmosas, funcionais, relaxantes e divertidas. Pensando nisso, preparamos uma lista com 11 escritórios de arquitetura que realizam projetos de hotéis

1-Snøhetta

O escritório de arquitetura Snøhetta projetou o 7th Room – Tree Hotel, localizado na cidade sueca de Harads. Talvez os arquitetos tenham se inspirado no sonho de toda criança de ter uma casa na árvore... Afinal, o quarto do hotel fica no meio de altos pinheiros, suspensos a quase 6 metros do chão. O acesso se dá por rampa, ponte ou escada. O melhor de tudo é a vista deslumbrante para o rio Luleälven!

The 7th Room por Snøhetta – Fotos: Johan Jansson 

2-Carvalho Araújo

Elegância e valorização das proporções, dos materiais e do local onde a edificação será inserida. Essas são as marcas dos projetos concebidos por Carvalho Araújo. O hotel De Lemos reflete esses conceitos. Localizado na cidade de Viseu, Portugal, ele está no meio de um cenário árido, formado por serras e rios.

O edifício forma um caminho naturalmente integrado à paisagem. Com apenas três suítes, proporciona ambientes mais intimistas, sem abrir mão do luxo. 

De Lemos, por Carvalho Araújo – Fotos: Hugo Carvalho Araújo

3-Rebelo de Andrade Studio

O escritório português Rebelo de Andrade concebeu o Snake Tree Houses, formado por estruturas descobertas entre os galhos e as copas das árvores. Como o nome do empreendimento sugere, uma cobra serviu como inspiração. A ideia do arquiteto foi mexer com o imaginário das pessoas. Está localizado no Parque de Pedras Salgadas, em Bornes de Aguiar, Portugal.

Snake Tree Houses, por Rebelo de Andrade Studio - Fotos: Ricardo Oliveira Alves

Crédito: Divulgação Rebelo de Andrade Studio

No mesmo local está o Eco Houses, outro hotel projetado pelo escritório que convida qualquer um a ficar hospedado por longos dias. Ele surgiu do conceito da biomimética, quando a arquitetura é concebida de forma a se moldar na natureza. Trata-se de um conjunto de sete casas pequenas bem confortáveis construídas com sistema pré-fabricado modular.

Eco Houses, por Rebelo de Andrade Studio – Fotos: FG + SG

Crédito: Divulgação Rebelo de Andrade Studio

Crédito: Divulgação Rebelo de Andrade Studio

4- Alex Hanazaki Arquitetura Paisagística

Alex Hanazaki é conhecido por criar soluções de paisagismo que possibilitam a convivência harmoniosa da vegetação com a arquitetura. Foi assim com o hotel TW Guaimbê, cercado por águas de cor azul-turquesa e pelo verde da Mata Atlântica que permeia Ilhabela, em São Paulo.

O hotel traz um jeito especial de casa de praia e pé na areia. A inspiração veio do próprio local, rico em vegetação tropical exuberante. Com isso, foi possível trazer a atmosfera para dentro do projeto.

Hotel TW Guaimbê, por Alex Hanazaki Arquitetura Paisagística – Fotos: Romulo Fialdini

5- Studio Casa 4 Arquitetura + Design

Um dos projetos mais lembrados do arquiteto Renato Marques – do Studio Casa 4 Arquitetura + Design – é o Hotel Vila Naiá. O clima praiano e ameno da Bahia é pano de fundo para uma hospedagem simples e, ao mesmo tempo, requintada. Para isso, a natureza foi preservada – tanto que a obra lançou mão de métodos construtivos nativos.

Hotel Vila Naiá, por Studio Casa 4 Arquitetura + Design – Crédito: Romulo Fialdini

6- Drucker Arquitetos Associados

O escritório paulista Drucker Arquitetos Associados notabiliza-se por tirar o máximo proveito das particularidades de cada lugar, como clima, orientação solar, paisagem e topografia. O Makenna Resort é uma resposta a isso. Os profissionais tiveram o desafio de projetar um belíssimo partido integrado à paisagem de Itacaré, na Bahia.

Makenna Resort, por Drucker Arquitetos Associados – Fotos: Leonardo Finotti

7- Candida Tabet Arquitetura

O Hotel & Spa Botanique, assinado por Candida Tabet, está localizado em meio a uma reserva da Mata Atlântica, em Campos do Jordão, São Paulo. Assim como as demais edificações da cidade, é marcado pelo estilo europeu, tanto nas instalações externas quanto internas.

Hotel & Spa Botanique, por Candida Tabet Arquitetura - Fotos: Tuca Reinés 

8- Atelier O'Reilly Architecture & Partners

Os arquitetos do Atelier O’Reilley Architecture & Parners assinam o hotel Mirante do Gavião, localizado no município de Novo Airão, em Rio Negro – a 200 km de Manaus.

O acesso é feito apenas por barcos. Com isso, o empreendimento estabelece uma interligação entre as navegações da região e as chegadas e saídas em terra.



Crédito: Divulgação Atelier O'Reilly Architecture & Partners

9- Ruy Ohtake

Ruy Ohtake projetou um dos hotéis mais icônicos de São Paulo: o Unique. Embora tenha sido construído em 2002, chama a atenção até hoje pelo formato: a estrutura em forma de arco invertido, que lembra um navio, fica suspensa e apoiada parcialmente nas extremidades por meio de duas empenas de concreto e em oito pilares distribuídos dentro do volume. 

Hotel Unique, por Ruy Ohtake – Fotos: Andrés Otero e Filipe Frazao/shutterstock.com

10- TYIN tegnestue Architects

Fundado em 2008, o escritório norueguês TYIN tegnestue Architects ficou conhecido por desenvolver projetos para áreas carentes e subdesenvolvidas. Todos os materiais são coletados nas proximidades da obra ou comprados de comerciantes locais.

Um dos projetos de maior destaque é o hotel Fordypningsrommet Fleinvær, concebido a pedido do músico e compositor norueguês Håvard Lund. Ele queria um lugar que pudesse oferecer um refúgio de inspiração para os artistas.

O local escolhido para a implantação foi o arquipélago Fleinvær, na Noruega. A região é repleta de paisagens realmente inspiradoras, porém a localização é remota e não tem nem carros nem lojas. Por causa disso, os artistas ficam distantes de qualquer agitação e distração da vida urbana.

Loading
novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo