Galeria da Arquitetura

Um jeito diferente de ver o mundo da arquitetura.

10 quartos temáticos para crianças

Redação Galeria da Arquitetura

Quem já foi fascinado por algum desenho animado pode admitir que sonhou um dia em ter um quarto temático, para mergulhar de vez no universo da fantasia. Mais que uma simples caracterização de cenário, psicólogos afirmam que ambientes lúdicos como esses ajudam a estimular a criatividade, o aprendizado e o desenvolvimento da criança.

Pensando nisso, selecionamos alguns quartos temáticos que trouxeram grandes personagens para decorar dormitórios infantis e até mesmo quartos de hotéis. Confira:

1) Mario Bros

Presente perfeito para pequenos (futuros) arquitetos

O livro infantil “Cidadela – O Sesc Pompeia de Lina Bo Bardi” conta, de forma lúdica, o histórico encontro entre a arquiteta Lina Bo Bardi e a antiga fábrica que viria a ser o Sesc Pompeia. 

A obra foi idealizada e escrita pela designer Baba Vacaro, que também é roteirista do programa Casa Brasileira do canal GNT.

Crédito: Revista Crescer

Leia mais...

De cada livro uma árvore nasce

Só na Argentina são publicados cerca de 6 milhões de livros físicos por mês. O número equivale a 45 milhões de páginas por dia e mostra o grande descaso com a natureza quando se trata da matéria-prima utilizada: as árvores.

Pensando nisso a editora de livros infantis argentina ‘Pequeña Editora’ desenvolveu um projeto chamado ‘Tree Book Tree’ na intenção de educar e incentivar os jovens leitores com comportamentos mais ecologicamente corretos. Além disso e não menos importante, salvar as nossas amigas árvores, que nos transmitem um melhor oxigênio e qualidade de vida. A ideia é plantar os livros lidos e transformá-los novamente em árvores!


Leia mais...


Com 14 anos, jovem constrói a própria casa

Nos tempos modernos, dificilmente encontramos adolescentes preocupados com o futuro ou engajados em uma causa. Figura dissonante desse cenário, a estudante norte-americana, Sicily Kolbeck, foi a arquiteta de sua própria moradia aos 14 anos.


Leia mais...


Móveis que “crescem” com as crianças

Ter filhos é ter surpresas todos os dias, inclusive no bolso. Nascem e crescem muito rápido, perdem roupas, perdem sapatos... Mas não é só isso. Ficam grandes e precisam mudar os móveis, como a cama, o guarda-roupa, a escrivaninha e muitas outras mobílias do quarto. É pensando nisso que muitas empresas agora estão investindo em “móveis modulares”. É o tipo de mobília que “cresce” com as crianças, facilitando a montagem (e claro, o dinheiro).

Leia mais...

Reforma incomum


Projetar uma casa a partir da orientação solar foi o ponto de partida adotado pelo arquiteto australiano Andrew Maynard. Sua Hill House, localizada em Melbourne, foi implantada com design inusitado em um pequeno lote com restrições para capturar o sol no inverno e excluí-lo no verão. Ela é vista como uma onda feita com grama. Aparentemente, a casa – com formato de caixa – é fixa como um balanço e debruçada sob uma colina de rolamento.

Leia mais...


“Casa de borboletas”: o orfanato de bambu para crianças refugiadas na Tailândia


Desde que os conflitos armados, que envolvem questões etnias e políticas, passaram a ser constantes na região de Mianmar/Birmânia, localizada próxima a Tailândia, grande parte da população optou por refugiar-se no país vizinho para sobreviver. Além da Tailândia, outras regiões próximas foram abrigadas por cerca de 160.000 refugiados.

Leia mais...


Pavilhão de legos


O Abondantus Gigantus era para ser um pavilhão temporário para o Festival Grenswerk, Enschede, na Holanda. Porém, foi erguido novamente para ser um ponto de encontro e palco de espetáculos e exposições. Muito parecido com blocos de lego, o prédio foi apelidado de LegoBlocks (bloco de legos).

Leia mais...


Arquitetura à moda antiga

Com desenhos inteiramente feitos a mão, sem utilizar nenhum programa digital, um projeto da arquiteta Iñaki Aliste Lizarralde reúne plantas baixas de vários filmes e programas de televisão. Todas feitas em cartolina com marcadores a tinta e lápis de cor.

Para quem quiser comprar uma planta original, especialmente feita para o comprador, basta entrar em contato por e-mail*¹ com a própria arquiteta. Veja alguns exemplos de casas de filmes de séries:


The Simpsons