> > > Capim do Mato Pousada e Spa by LOccitane

Capim do Mato Pousada e Spa by LOccitane

Capim do Mato Pousada e Spa by LOccitane
Na Serra do Cipó, região dos Cerrados de Minas Gerais, a arquiteta Andrea Schettini tirou partido da natureza, de materiais sustentáveis e do design em um projeto cujo foco é o bem-estar Foto/Imagem:Gustavo Xavier

Sustentabilidade e design

Brasilidade e natureza são características marcantes que vêm à tona em cada traço da Capim do Mato Pousada & Spa by L'Occitane projetada pela arquiteta mineira Andrea Shettino. Construção, arquitetura e decoração foram equilibrados com simplicidade, estilo e bom gosto em nome de um conceito designado pela própria profissional como ‘luxo despojado’. Em uma época em que conviver com a natureza é um valor buscado incessantemente pelas pessoas, inserir uma pousada e spa em uma área preservada de, aproximadamente, 3,5 hectares do Parque Nacional da Serra do Cipó, na região dos Cerrados, é um verdadeiro luxo. Situado há 90 km de Belo Horizonte, capital de Minas Gerais, o empreendimento se adapta A preservação e a sustentabilidade são fatores presentes desde o projeto inicial Andrea Schettini inteiramente ao relevo, em uma delicada relação entre o interior e os elementos da natureza. “A preservação e a sustentabilidade são fatores presentes desde o projeto inicial. Exemplo disso são as madeiras utilizadas na construção, ora de reflorestamento, ora biossintéticas”, revela a arquiteta. Vários cuidados fizeram parte da construção da Capim do Mato. A começar pela realização de um estudo detalhado de conforto ambiental, no qual se definiu uma série de medidas sustentáveis: ecotelhado, sistema de aquecimento solar, ar-condicionado inteligente e iluminação natural. Para viabilizar a construção, o transporte de materiais foi feito por homens até a obra, sem o auxílio de qualquer maquinário capaz de poluir ou devastar o ambiente.

Capim do Mato Pousada e Spa by LOccitane - Sustentabilidade e design
Focado no bem-estar o projeto é totalmente integrado à natureza deslumbrante Foto: Gustavo Xavier

Soluções sustentáveis

Com o objetivo de reduzir o consumo de energia foram implantadas luminárias de LED e lâmpadas fluorescentes, além de um eficiente sistema de ar-condicionado com controle individualizado. Andrea Shettino explica que, comparado aos modelos convencionais, o sistema possibilita uma economia de energia de 44% ao permitir o ajuste individual das máquinas nas salas. A redução do consumo de água deve-se a medidas simples como a instalação de equipamentos economizadores nos vestiários de funcionários e clientes, como válvulas de descarga com duplo fluxo.

Outras práticas sustentáveis foram adotadas, principalmente para otimizar a gestão de resíduos. Na O cenário encantador torna-se forte aliado durante os momentos de descanso e revitalização de quem busca a pousada e o spa Moreno Belisário pousada e spa usa-se apenas lençóis e toalhas de tecido, evitando materiais descartáveis, o que reduz a produção de lixo. Quanto aos resíduos inevitáveis, é feita a reciclagem das embalagens plásticas, após esgotado o ciclo de reutilização, e de embalagens de papel e papelão não reutilizáveis. A coleta seletiva abrange a totalidade dos resíduos – papel e papelão, lixo seco e úmido, lâmpadas fluorescentes, pilhas e baterias – que, após a separação, são enviados para reciclagem.

Para reforçar a verdade de que bem-estar e práticas sustentáveis podem – e devem – andar juntos, as soluções arquitetônicas foram projetadas para proporcionar máximo conforto aos usuários. O ar-condicionado é movido a gás ecológico. Consequentemente, o ar é mais puro, e o ambiente, mais saudável. A iluminação natural é prioridade e o projeto paisagístico parte de uma implantação totalmente integrada ao edifício e ao entorno.

Valorização da cultura local

No mobiliário e objetos decorativos, a todo momento é possível visualizar as raízes da cultura brasileira representadas pela arte indígena. São máscaras da artista plástica Fernanda Velo e a arte em cabaças de Gina Celeghini que ambientam e proporcionam leveza e momentos de conforto visual. Nesse quesito, grande parte do projeto de decoração partiu de criações próprias da proprietária da Pousada, Jacqueline Belisário. Ao ar livre, a piscina climatizada de borda infinita e suspensa reflete a total integração com a natureza, valorizada por um projeto de paisagismo cuja premissa é a não interferência. “Por isso preservamos principalmente o capim predominante da região. Nos arredores, o capim do mato e a alfazema – outra vegetação abundante – são únicos e detentores de textura e cores que encantam a todos”, explica Andrea.

“O cenário encantador torna-se forte aliado durante os momentos de descanso e revitalização de quem busca a pousada e o spa”, ressalta o sócio-proprietário Moreno Belisário. Em meio a salas para banhos de imersão em ofurô e hidromassagem, deque equipado com chaises, salas repousantes e vestiários há uma providencial boutique L'Occitane com fragrâncias e produtos utilizados durante os tratamentos.

O spa L'Occitane

De arquitetura orgânica, com ênfase no luxo simples, casual e despretensioso, o projeto da pousada, que já funciona há oito anos e acumula vários prêmios de arquitetura – Olga Krell de Decoração e o Deca Interiores – ostenta duas piscinas, uma sauna e espaços com chaises para descanso. O spa exclusivo, em parceria com a L'Occitane, foi inaugurado este ano – 2013 – e diferencia-se por dispor de um mix de serviços de bem-estar praticado pela multinacional francesa apenas nos melhores hotéis e spas do mundo.

Escritório

Andrea Schettino Arquitetura1 projeto(s)

Local: SP,Brasil
Início do projeto: 2011
Conclusão da obra: 2013
Área do terreno: 3.5
Área construída: 500

Tipo de obra:
Pousadas
Tipologia:
Lazer e Turismo

Materiais predominantes:

Diferenciais técnicos:

Ambientes e Aplicações:

Slideshow

Ficha Técnica

Exibir mais itens
novidadesfechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo