> > > Casas Gêmeas

Casas Gêmeas

Casas Gêmeas
O escritório Zoom Urbanismo, Arquitetura e Design projetou as Casas Gêmeas, dois projetos em um mesmo terreno em São Paulo (SP) Foto/Imagem:Maíra Acayaba

Semelhanças arquitetônicas

O escritório Zoom Urbanismo, Arquitetura e Design foi convidado por dois irmãos para projetar suas respectivas casas em um só terreno na cidade de São Paulo (SP). Apelidadas de Casas Gêmeas, as duas residências possuem o mesmo projeto arquitetônico, com apenas pequenos detalhes de programa e decoração que se diferenciam.

É uma casa que vem pronta. Investimos um pouco para abri-la para o ambiente Guilherme Ortenblad

A premissa para a construção partiu de soluções e materiais simples que suprissem as duas estruturas. Foram utilizados pré-fabricados, como blocos estruturais e lajes pré-moldadas, que facilitam e aceleram a execução da obra, além de apresentarem um bom resultado final.

Terreno geminado

O terreno de 10 x 30 m² era ocupado por um imóvel antigo, que foi demolido completamente por estar subaproveitado. Dessa forma, as Casas Gêmeas puderam ser implantadas com aproveitamento total do lote.

O arquiteto Guilherme Ortenblad, um dos autores do projeto, conta que, para desenvolver o programa geminado, foi otimizado o recuo que havia no meio das duas residências. “A legislação permite até 10 m de distância da casa ao lado. A partir disso tem toda a largura do ambiente”, explica.

O resultado foi uma sequência de ambientes sem espaço residual, integralmente aproveitados e longitudinais. Todos permitem a intercalação de pátios com áreas ocupadas, unindo o vazio ao cheio e desfrutando do terreno com uma densidade maior.

Os dois pátios são conjugados, porque as casas são espelhadasFoto: Maíra Acayaba

Apesar da semelhança arquitetônica, as Casas Gêmeas seguiram propósitos diferentes, cada uma com as características de seu morador.

O térreo da Casa 01 abriga uma sala de estar, um escritório-consultório, uma sala de jantar, uma cozinha e uma área de serviço nos fundos. No pavimento superior ficam dois dormitórios, uma suíte, um quarto com banheiro e uma sala íntima.

Os pátios têm um papel muito importante, conjugando tanto com a área externa quanto com a interna, porque aplicamos portas articuladas, principalmente nas salas de jantar e estar [...] Guilherme Ortenblad

A Casa 02 recebeu uma sala de estar mais contígua, um lavabo, uma cozinha e uma área de serviços nos fundos do piso térreo. Na parte de cima estão três dormitórios e outros dois com banheiro compartilhado, além de uma suíte.

Materiais e estruturas

As estruturas são todas em alvenaria estrutural e concreto. Por questão de iluminação, optou-se pela pintura branca para refletir mais a luz e iluminar melhor os ambientes.

Tanto as lajes como os blocos de concreto são elementos pré-fabricados, facilitando a montagem. Os partidos são simples, com as casas se apoiando nas paredes laterais e laje armada na transversal. As passarelas dos andares superiores são em laje moldada in loco, por terem mais recortes e vãos.

A madeira foi usada para deixar o clima mais acolhedor, principalmente nas áreas íntimas e nos decks dos corredores de transição entre os dois volumes. “Na entrada também tem um deck português. Na sala, por uma questão de praticidade e demanda do cliente, acabamos usando um porcelanato”, comenta Ortenblad.

As residências são banhadas de vidro, principalmente nas áreas dos pátios. A porta do banheiro vai do piso ao teto, proporcionando muita claridade e transparência. O ambiente conta também com uma banheira de vidro transparente.

Todos os ambientes conectam-se aos pátios, que proporcionam iluminação natural e amplitude aos espaçosFoto: Maíra Acayaba

A privacidade é obtida por venezianas, que conferem sombreamento às áreas intimas e certo dinamismo à fachada com uma composição geométrica que sempre muda a partir da rotina do morador.

Segundo o arquiteto, a estrutura das Casas Gêmeas é simples, com uma solução comum, que abusa do pré-fabricado e foge um pouco do artesanal. “É uma casa que vem pronta. Investimos um pouco para abri-la para o ambiente”, aponta.

Otimização da iluminação

Otimizar a iluminação em casas estreitas foi um dos processos mais dificultosos da obra, e uma das soluções encontradas foi aproveitar a luz proveniente dos pátios – que são conjugados, uma vez que as residências são espelhadas.

“Os pátios têm um papel muito importante, conjugando tanto com a área externa quanto com a interna, porque aplicamos portas articuladas, principalmente nas salas de jantar e estar. Eles fornecem uma transparência que dá amplitude às Casas Gêmeas, fazendo-as parecerem maiores do que realmente são”, conclui Ortenblad.

Escritório

Zoom Urbanismo Arquitetura e Design3 projeto(s)

Local: SP, Brasil
Início do projeto: 2013
Conclusão da obra: 2014
Área do terreno: 293
Área construída: 335

Tipo de obra:
Residência
Tipologia:
Residencial

Materiais predominantes:

Diferenciais técnicos:

Ambientes e Aplicações:

Slideshow Desenhos e plantas

Mantenha-se atualizado! Receba
gratuitamente os Boletins e Informativos
da Galeria da Arquitetura

E-mail cadastrado com sucesso!

Você ficará informado sobre tudo que acontece
no mundo da Arquitetura. Aproveite!

novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo