,
> > > Restaurante N.O.A.H

Restaurante N.O.A.H

Restaurante N.O.A.H
A influência do arquiteto Lúcio Costa no Restaurante N.O.A.H resultou em duas entradas distintas: a frontal orientada para uma rua de comércio; e a posterior aberta tanto para a vegetação quanto para a zona residencial do bairro Foto/Imagem:Joana França

Duas fachadas, diferentes entradas

“Eat, drink and fun.” Essa é a proposta do Restaurante N.O.A.H, que combinou muito bem com o projeto arquitetônico de sua nova casa, localizada em Brasília (DF). Moderno e industrial, o gastrobar foi concebido pelo escritório Mooca Arquitetos Associados com duas entradas, portanto, duas fachadas, cada qual ao seu estilo.

De acordo com a arquiteta Fernanda de Angelis, a ideia de gerar um acesso na fachada posterior do edifício resgata um conceito proposto por Lúcio Costa – importante arquiteto brasileiro que participou do projeto urbanístico de Brasília junto de outros profissionais, como Oscar Niemeyer. Costa defendia que os edifícios comerciais de entrequadras deveriam ter acesso principal originalmente voltado para a área residencial.

No caso do Restaurante N.O.A.H, a influência de Lúcio Costa resultou em duas entradas distintas: a frontal orientada para a rua na qual instalam-se outros comércios; e a posterior aberta tanto para a vegetação quanto para a zona residencial do bairro.

Os acessos

Mais fechada, porém intrigante, a fachada principal do gastrobar foi elaborada com painéis metálicos modulares na cor laranja. Essas peças seguem revestidas por uma tela metálica preta, que cria um efeito interessante. À esquerda, acima da porta de entrada, é possível observar o mezanino através das janelas de vidro.

Diferentemente da face frontal, a fachada dos fundos é completamente transparente e, por isso, atrai o olhar das pessoas. Segundo de Angelis, ela recebeu portas pivotantes, que por sua vez foram fabricadas em perfil metálico e vidro. À frente dessa área surge a varanda externa, onde se destacam as estantes metálicas que sustentam as caixas de madeira. “Ali são organizados vasos de hortaliças e flores”, cita a arquiteta.

Restaurante N.O.A.H - Duas fachadas, diferentes entradas
O salão do Restaurante N.O.A.H reforça o estilo industrial do projeto. Luminárias pendentes e pilares de tijolos aparentes alcançam o amplo pé-direitoFoto: Joana França

Com o projeto paisagístico detalhado, o Mooca Arquitetos Associados conseguiu estabelecer uma conexão contínua entre a varanda externa e a área verde arborizada, característica das superquadras da cidade.

Interior industrial

Além da parte externa, o Restaurante N.O.A.H dispõe de outros três ambientes internos. Ao passar pelo acesso principal, o visitante entra no primeiro deles: a área do salão, que funciona como bar e espaço para refeições. Sobre o balcão, as mesmas estantes da varanda se repetem, porém, conservando a cor natural da madeira.

Adiante encontra-se o lounge, projetado para ser um local mais descontraído, com espaço para DJ’s e apresentações de música ao vivo. Chama a atenção a adega de vinhos – executada em madeira e chapa metálica –, que se estende por todo o pé-direito duplo do ambiente. Além disso, pilares em tijolo aparente e luminárias pendentes reforçam o caráter industrial do projeto, enquanto o piso de madeira traz aconchego.

No último andar está o mezanino – uma área mais reservada do restaurante, que acomoda mesas para eventos e comemorações com maior número de convidados.

Escritório

Mooca Arquitetos Associados1 projeto(s)

Local: DF,Brasil
Início do projeto: 2016
Conclusão da obra: 2016
Área do terreno: 100
Área construída: 250

Tipologia:
Comercial

Materiais predominantes:

Diferenciais técnicos:

Ambientes e Aplicações:

SlideshowDesenhos e plantas

Ficha Técnica

Exibir mais itens
novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo