Galeria da Arquitetura

Um jeito diferente de ver o mundo da arquitetura.

Ladrilho hidráulico: artesanal, charmoso e contador de histórias

De origem europeia e artesanal, os ladrilhos hidráulicos voltaram a fazer parte da decoração de ambientes que prezam o ar rústico. Durante algumas décadas ocupou um espaço nada favorável; ora era esquecido e tornava-se obsoleto, ora retornava para residenciais charmosos. Mas, como toda moda nunca acaba por completo, ele voltou. 

Segundo o arquiteto Cioli Stancioli, um dos principais motivos deve-se muito ao valor sentimental que queremos transmitir em ambientes familiares. “O retorno do ladrilho significa a história das pessoas com suas casas, famílias, amigos... Ele relembra os antepassados, como as casas de vós... que sempre tinham seus ladrilhos”. 

Residência EJR

Crédito: André Nazareth

Leia mais...

10 residências de baixo impacto ambiental

Redação Galeria da Arquitetura

Figurando principalmente em grandes metrópoles, as construções de baixo impacto ambiental apresentam ideias criativas e soluções eficientes para driblar o desperdício, sem deixar a estética de lado. Os modelos de casa sustentável a seguir mostram que sustentabilidade não significa apenas respeito ao meio ambiente, mas também qualidade de vida. 

Earthships

Foto/Imagem: Earthship Biotecture

Leia mais...

10 projetos residenciais inesquecíveis do cinema

Já pensou morar na casa em que “O Poderoso Chefão” - Don ‘Vito’ Corleone (Marlon Brando) - recebeu parte da máfia dos anos 80? Descer a escada com um trenó igual fez o Kevin McCallister (Macaulay Culkin) em “Esqueceram de Mim”? Ou ver as tensas cenas de crime na casa do “Pânico”? Além dessas, existem diversas residências que realmente existem fora das telonas.


Leia mais...


365 dias cercado pelo mar

Dymitr Malcew é um famoso especialista em desenvolver projetos arquitetônicos sobre a água, por isso que a H2orizon o contratou para projetar a Casa Flutuante. Ela permite ao seu morador mudar de endereço quando quiser.

 

Leia mais...

Open House: um centro cultural dobrável


A pequenina cidade de York na Pensilvânia, Estados Unidos, é conhecida pela grande quantidade de edificações abandonadas e pela escassez de espaços públicos para as pessoas da região.

Pensando de forma para lá de inovadora e criativa, Matthew Mazzotta criou o Open House, que era uma pequena casinha abandonada localizada no coração da cidade, e que agora é um espaço público capaz de acomodar até 100 pessoas. O local funciona como um centro de apresentações de artistas locais, ponto de encontro para os moradores, espetáculos de dança, shows de música e até como um cinema ao ar livre, tudo gratuito.

Leia mais...


Decoração animal

Mesa que vira cama. Criado-mudo que se transforma em casinha de cachorro. Estante projetada com passagem para gatos. Até mesmo vaso, mala de viagem antiga e a própria parede podem servir como abrigo para o seu pet. Essas são algumas invenções curiosas para quem gosta de inovar na maneira de cuidar dos bichinhos. Veja só alguma delas:


E não é que esses objetos também deixam a decoração da casa bem interessante?

Leia mais...


A casa de vidro


A S-House, como é chamada pelos autores do projeto, o escritório Yuusuke Karasawa Architects, possui um nível de complexidade inédito. A estrutura da casa foi feita com uma sucessão de andares, de forma que as superfícies diagonais acabam umas nas outras, produzindo um fluxo entre os espaços. A casa está localizada em Saitama, no Japão.

Leia mais...


Mergulho no mirante


Mesclando o espaço interno com o externo, a Casa Plana é construída com planos horizontais em uma grande encosta. A edificação permite a entrada de diferentes fluxos de luz e mantém a deslumbrante vista de 270 graus sobre o litoral.  O espaço entre os planos é definido por vários painéis flexíveis e telas de vidro.

E a piscina? Essa fica estrategicamente posicionada de modo a garantir o aproveitamento do visual com uma brisa refrescante.

Leia mais...


Casa Tsunami é capaz de suportar o impacto de grandes desastres naturais


O projeto à beira-mar, apelidado de Casa Tsunami, fica no extremo norte da Ilha Camano, localizada no estado de Washington, EUA. Desenvolvida pelo arquiteto Dan Nelson e sua equipe, do escritório Designs Northwest Architects, a casa é capaz de suportar o impacto de grandes desastres naturais, como ondas gigantes de até 8 metros, terremotos de 7,8 pontos na Escala Richter e ventos laterais de 136 km/h.

Leia mais...


Casa no deserto de Mojave


Projetada pelo escritório americano Oller & Pejic em parceria com o diretor de arte Marc Atlan, a Black House, como é conhecida, foi construída no meio do deserto de Mojave, na Califórnia. A casa integra-se à natureza em meio a uma imensidão de areia, cactos e pedras e através de vidros espelhados, que refletem a paisagem árida. Ao mesmo tempo, a cor preta – que dá nome a casa – contrasta com o ambiente desértico.

Leia mais...


novidades fechar
Receba o boletim da
Galeria da Arquitetura
veja um exemplo